sábado, março 25, 2017

A semana que não acabou




Esta semana foi intensa.  Assunto para a gente prosear não faltou.

Primeiro foi o papelão dos meganhas da PF que caiu como uma luva para a Austrália retomar de nós o primeiro lugar como exportador mundial de carnes.  Até a revistinha semanal de fofocas dos Civita, porta-voz da direita, através do Tio-Rei, protestou:
http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/show-midiatico-da-carne-fraca-deveria-envergonhar-a-pf-e-o-pais/

Depois veio a dura crítica do Gilmar Mendes, ministro do STF e do TSE, à 'entrevista coletiva em off' que os procuradores da PGR vazaram 'criminosamente' informações sob sigilo para a mídia golpista (Globo, Folha, Estado).  Aí Rodrigo Janot rebateu dizendo que Gilmar tem disenteria verbal e decrepitude moral e que (ele, Janot) se distancia dos banquetes palacianos (fazendo referência à intimidade de Gilmar com a camarilha do PSDB e do PMDB).  Até o UOL/Folha, criticou:
http://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2017/03/22/janot-e-gilmar-brigam-tire-as-criancas-da-sala/

Em seguida veio a quebra de sigilo telefônico e condução coercitiva (neste caso, eufemismo para sequestro) do blogueiro Eduardo Guimarães determinada por um juiz de primeira instância de Curitiba.  Ai vale a pena ver sob o ponto de vista da mídia estrangeira:
http://www.bbc.com/portuguese/brasil-39309746. Todo mundo sabe que o objetivo da República de Curitiba é prender Lula ou, pelo menos, inviabilizar sua candidatura em 2018.

Para completar, o Congresso, talvez o mais conservador de toda a história do país, aprovou a terceirização irrestrita que é um golpe de misericórdia à CLT.  Para o analfabeto político, que costuma dizer que partido é tudo igual, votações como essa, de interesse do trabalhador, ilustram bem qual é o lado de cada partido.  Olhando o placar da votação, veja quais são os principais partidos que votaram contra a precarização dos direitos do trabalhador: PT, PC do B, PSOL e PDT, não só nesta votação como na votação anterior (abril de 2015).  Novamente, cito a mídia estrangeira:
http://brasil.elpais.com/brasil/2017/03/21/politica/1490127891_298981.html
Houve também outra confusão dentro do ninho tucano.  O Farol de Alexandria e Doria, o prefeito dos coxinhas, andaram discutindo por causa da possibilidade da candidatura de Doria já que os preferidos de FHC estão enrolados em escândalos.  Saiba mais pelo 247: http://www.brasil247.com/pt/247/sp247/286823/Doria-desafia-FHC-e-tenta-se-impor-como-presidenci%C3%A1vel-tucano.htm

E para fechar a semana com chave de ouro, ouvi na CBN, a rádio que 'troca' a notícia: Governo de SP não quer enviar Marcola e cúpula do PCC para presídios federais -
http://cbn.globoradio.globo.com/sao-paulo/2017/03/24/GOVERNO-DE-SAO-PAULO-SE-MOSTRA-CONTRA-A-IDA-DE-MARCOLA-PARA-PRESIDIO-FEDERAL.htm.  Alguém poderia concluir: o estado não pode ficar sem governo!

Bom fim de semana.

Nenhum comentário: