Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2014

Apesar de você, mídia golpista

Hoje você é quem manda
Falou, tá falado
Não tem discussão
A minha gente hoje anda
Falando de lado
E olhando pro chão, viu Você que inventou esse estado
E inventou de inventar
Toda a escuridão
Você que inventou o pecado
Esqueceu-se de inventar
O perdão Apesar de você
Amanhã há de ser
Outro dia
Eu pergunto a você
Onde vai se esconder
Da enorme euforia
Como vai proibir
Quando o galo insistir
Em cantar
Água nova brotando
E a gente se amando
Sem parar Quando chegar o momento
Esse meu sofrimento
Vou cobrar com juros, juro
Todo esse amor reprimido
Esse grito contido
Este samba no escuro Você que inventou a tristeza
Ora, tenha a fineza
De desinventar
Você vai pagar e é dobrado
Cada lágrima rolada
Nesse meu penar Apesar de você
Amanhã há de ser
Outro dia
Inda pago pra ver
O jardim florescer
Qual você não queria
Você vai se amargar
Vendo o dia raiar
Sem lhe pedir licença
E eu vou morrer de rir
Que esse dia há de vir
Antes do que você pensa Apesar de você
Amanhã há de ser
Outro dia
Você vai ter que ver
A manhã renascer
E esbanjar poesia
Como…

Leitura de domingo - Hoje não é Armagedom

A Folha continua em cima do muro, sem confessar sua torcida pelo candidato do retrocesso. Até o DataFolha, que prefere anunciar um empate técnico. Hidrófobos como sempre, Cantanhede e Gullar nem merecem ser lidos. O que salva a edição, o que já virou rotina, é a coluna do Janio de Freitas: “Os enganados e o mentiroso”. Ele lembra, sabiamente, que o país não ficou dividido agora. O país sempre foi dividido, sempre foi Casa Grande & Senzala. O Estadão, que não é dissimulado como a Folha, deixa claro em editorial sua opção político-eleitoral ao defender o voto em Aécio. E estampa que a 'eleição chega ao fim hoje como a mais acirrada desde 1989'. É verdade, nunca antes na curta história democrática deste país a direita esteve tão perto de ser eleita, com o apoio da mídia, do judiciário e de todas forças conservadoras. O Globo concorda que 'desde a redemocratização não se via uma disputa tão acirrada' mas festeja que 'Aécio volta a subir em pesquisas e disputa …

Leitura de domingo - Mídia e Judiciário elegerão o candidato do retrocesso?

Publicação by Compartilhe13.
A Folha, um jornal a serviço do conservadorismo, continua a favor de Aécio, mas sem assumir em seu editorial de hoje, em que faz de conta que é neutra.  Vale a pena dar uma olhada na coluna da ombudsman (por que não ombudswoman?) Vera Guimarães Martins, mas quem salva a edição é o Janio de Freitas, que comenta a censura imposta pelo TCE a uma semana do segundo turno. O Estadão, que não dissimula e se declara conservador, ilustra bem seu partidarismo hoje no editorial 'a esperança contra o ódio'. O Globo, como era de se esperar, apoia a censura do TSE a esta altura do jogo por causa do “desvirtuamento da campanha eleitoral”, em editorial claramente oposicionista. A Veja, claramente de direita, continua em sua apaixonada cruzada contra o PT, Lula e Dilma, estampando o doleiro Youssef, segundo o qual em 2010 a campanha de Dilma recebeu dinheiro desviado da Petrobras. A IstoÉ, que agora parece reivindicar o título de porta-voz número um da direita, estampa …

Hoje é dia das crianças no Brasil!

Tenho muita saudade das minhas crianças. Mas, enquanto não chegar o dia de reencontrá-las, sigo sonhando com um mundo melhor para todas elas.  Como  não tenho palavras agora, faço-as com a poesia de Victor Jara nos vídeos acima e abaixo.
Por isso recomendo uma visita ao site da Unicef, do qual traduzi o texto seguinte.
Imagine um mundo onde todas as crianças têm a chance para realizar o seu potencial, onde cada criança tenha um lugar decente para dormir, comida suficiente, uma sala de aula e a saúde de aprender, crescer e prosperar. Imagine um mundo em que os direitos de cada criança são realizados. O mundo - e as crianças do mundo - enfrentaram muitos desafios em 2013, mas houve marcos importantes para se reconhecer, também: O número de mortes evitáveis ​​de crianças menores de cinco foi cortado quase pela metade entre 1990 e 2013;89% da população global usou uma melhor fonte de água para beber e 64% usou instalações sanitárias melhores;123 países agora penalizam todas as formas de viol…

Leitura de domingo

A Folha continua dissimulada.  Morde e assopra. Dá uma no cravo e outra na ferradura.  Mas o pasquim da famiglia Frias, que apoiou logística e ideologicamente a ditadura, a qual chamava carinhosamente de ‘ditabranda’, não engana mais ninguém; espero.  Hoje a manchete principal é: ‘Choque de gestão’ de Aécio em MG teve efeito limitado.  Fica em cima do muro com a Mônica Bergamo: antipetismo causa separação (‘divórcio ideológico amigável’) de dupla de Fernando Meirelles.  Repare que o título não cita o nome do fotógrafo uruguaio César Charlone, incomodado com o ódio de classe surgido das sombras contra o PT.  O que salva a edição é, como sempre, a coluna do Janio de Freitas, mostrando o que é a ‘elite financeira’ e o sobe e desce da Bolsa: uma eleição de muitos. O Estadão, pasquim da famiglia Mesquita, destaca que ‘Dilma prepara novo pacote de tributos para agradar a empresários’ e que ‘Aécio aceita parte das bandeiras de Marina’, deixando a redução da maioridade penal de fora e recebend…

Leitura de domingo

Os jornalões voltam a ficar animados com as últimas pesquisas que apontam para um segundo turno com Aécio, o plano A da direita, o candidato dos conservadores, dos reacionários. A Falha e o DataFalha decretam: Dilma 44%, Aécio 26% e Marina 24%.  Diz que eleição chega ao primeiro turno com dúvida sobre quem enfrentará Dilma.  O que chama a atenção é o artigo segundo o qual “hegemonia do PSDB no interior deve garantir vitória”.  Para o paulista do interior não existe má gestão na SABESP, assalto a trem e metrô no trensalão de empresas multinacionais e governadores do PSDB, pedágios mais caros do mundo, segurança pública deficiente.  O servo da organização paracristã de direita Opus Dei, Picolé de Chuchu, deve se reeleger no primeiro turno.  Alternância de poder no estado, não. O Estadão está todo serelepe com a pesquisa do Ibope mostrando que Aécio cresce, ultrapassa Marina, mas vaga no 2° turno fica indefinida. Diz ainda que Aécio sobe 5 pontos, sai do desânimo, ganha fôlego e volta a…