Alta Ansiedade

Esse é o título de um filme de 1977 que o Mel Brooks escreveu, produziu e dirigiu, além de atuar no papel principal e compor música e letra. Esse filme foi dedicado a Alfred Hitchcock, e faz referência a uns dez filmes do mestre do suspense. O próprio título do filme é referência a “Um Corpo Que Cai” (Vertigo, 1958), já que o personagem de Brooks é o Dr. Richard H. Thorndyke, novo diretor do “Instituto Psiconeurótico para Pessoas muito, MUITO Nervosas”.  Ele é um famoso psiquiatra que tem medo de altura.  Lembra daqueles psiquiatras que são mais loucos que os próprios pacientes?  Pois é, os problemas começam quando ele decide descobrir por que seus antecessores morreram inexplicavelmente.  A vilania fica por conta da Enfermeira Diesel (Cloris Leachman, fantástica), que comanda de fato o instituto.  Há referências explícitas e hilariantes a “Intriga Internacional” (North by Northwest, 1959), “Psicose” (Psycho, 1960) e “Os Pássaros” (The Birds, 1963).  Além de Hitchcock, outro homenageado é o Michelangelo Antonioni, pelo filme “Blow Up - Depois Daquele Beijo” (Blow Up, 1966).  Para quem curte cinema, “Alta Ansiedade” é uma verdadeira aula de cinema.  Com certeza, influenciou Brian De Palma, como se pode ver em “Vestida Para Matar” (Dressed to Kill, 1980) e “Blow Out - Um Tiro na Noite” (Blow Out, 1981). Se você prestar atenção ao instituto, sua torre e sua localização num penhasco à beira do mar, vai se lembrar do livro “Ilha do Medo” (Shutter Island), escrito pelo ótimo Dennis Lehane em 2003, tornado filme por Martin Scorsese no ano passado. Um dos pontos altos do filme é o desempenho do próprio Mel Brooks ao interpretar a canção-título imitando Frank Sinatra. Se você não viu, tenho certeza que vai gostar desse filme de Brooks, principalmente se você conhecer as referências citadas.



Comentários