domingo, junho 20, 2010

Eraserhead

“Eraserhead” é o primeiro longa-metragem de David Lynch, o criador da série “Twin Peaks” (1990). Não sei dizer se também é o mais estranho, porque dizem que “Estrada Perdida” (Lost Highway, 1997) é muito esquisito. De qualquer forma, a esquisitice é marca registrada de Lynch, que adora um mundo polarizado e dualista dos bons contra os maus, com ambientes escuros e decadentes, cortinas vermelhas, luzes piscantes, personagens deformados, closes nos olhos, ferimentos na cabeça, sonhos e pesadelos. Mesmo os filmes mais comportados dele, como “O Homem Elefante” (Elephant Man, 1980) e “Uma História Verdadeira” (The Straight Story, 1999), contém pelo menos um desses elementos. Em Eraserhead, Jack Nance interpreta Henry Spencer, um gráfico em férias dividido entre cuidar do filho mutante que teve assexuadamente com a namorada, observar a moça que canta no sistema de calefação, e desejar a vizinha morena e sensual. Veja o trailer no YouTube e só procure assisti-lo se você for mesmo um cinéfilo convicto. Antes um aviso: é para sentir, não para pensar.

Nenhum comentário:

Mídia golpista hoje

Domingo é dia de folhear os jornalões e tentar entender o que a máfia dos barões da mídia está querendo que a gente acredite. O Globo, en...