Vale dos Templos

Nesta Sexta-feira Santa fui ao Centro Ecumênico Vale dos Templos, em Itapecerica da Serra , e conheci o Templo das Almas (Enko-ji), autêntico templo budista, e o belíssimo Templo Dourado (Kinkaku-ji), que é uma réplica de um templo construído em 1397 em Kioto, no Japão. O local possui uma nascente, pequenas quedas d'água e um lago cheio de carpas e alguns gansos, todos ávidos por um alimento granulado que se pode comprar na portaria do jardim japonês. O local é uma espécie de cemitério de cinzas de cremação de muitas pessoas, inclusive não japonesas, como o autor Cassiano Gabus Mendes, por exemplo. O acesso é pelo quilômetro 285 da rodovia Regis Bittencourt, perto de Embu.
A propósito, fui pelo recém-inaugurado trecho sul do Rodoanel, uma obra importante para a nossa região metropolitana. A inauguração no feriado foi providencial para quem optou por ir ao litoral, vindo das zonas norte e oeste. Por outro lado, como foi inaugurado às pressas devido ao calendário eleitoral, o trecho sul está sujo, mal sinalizado e inacabado em algumas partes. E, claro, os radares já estão presentes e as praças de pedágio, quase prontas.

Comentários

Anônimo disse…
Luiz, muito legal! Vou conhecê-lo.

Já conheci o de Suzano e o de Cotia, ambos templos budistas muito bonitos!

Intini