Postagens

Mostrando postagens de 2010

Adeus, timoneiro

Quércia morreu na madrugada de hoje.  Dessa vez é verdade.  Digo isso porque em setembro uma parte do PiG (partido da imprensa/mídia golpista), Folha, UOL e Globo noticiaram a morte dele em mais uma das “reporcagens” e “barrigadas” comuns em nossa mídia oligopólica.  Até hoje, noticiando sua morte, a mídia demotucana destaca os escândalos atribuídos ao ex-governador.  Os jornais e revistas de São Paulo sempre fizeram a cabeça de nossa burguesia, sendo condescendentes com os tucanos e difamando os políticos que ousaram descer do muro.  Particularmente, acho que o Quércia, apesar de seu fisiologismo, fez mais pelo estado em quatro anos do que o PSDB em dezesseis.  Infelizmente, Quércia optou pela aproximação com o DEM e o PSDB nas últimas eleições.   Achei risível sua campanha ao senado ao lado de Aloysio Nunes, à esquerda, embora vira-casaca, e Geraldo Alckmin, o moço da Opus Dei, à direita.  Sua aproximação com a direita resultou que o Movimento Revolucionário 8 de Outubro (MR-8), que…

Dia de Faxina

Ontem resolvi fazer faxina nos computadores de casa, desktop e notebook.  Quem tem micro muito usado sabe que o desempenho acaba se tornando frustrante.  Os radicais logo perdem a cabeça e formatam o disco toda hora.  Conheço gente que não consegue passar um mês sem apelar para a formatação.  Isso eu só faço em último caso mesmo, e faz anos que não cometo esse extremo.  Prefiro as práticas e os programas de diagnóstico, reparo e otimização.  Em seguida relaciono algumas empresas e desenvolvedores com produtos que valem a pena. Da Microsoft sugiro o Fix It, o Windows Memory Diagnostic e o BootVis. Da Piriform, recomendo muito o CCleaner, além do Defraggler. Da Iobit, destaco o Advanced SystemCare Free, o Smart Defrag e o Game Booster. Da Glarysoft, o destaque é o Glary Utilities. Da Iolo, o destaque fica para o System Mechanic, sem dúvida. Da PCTools, citaria o Spyware Doctor e o Registry Mechanic. Da Auslogics, valem a pena o Disk Defrag, o Registry Defrag e o Registry Cleaner. Para otimizaçã…

A General

Esse título se refere à locomotiva que divide com Annabelle Lee (Marion Mack) o coração do maquinista Johnny Gray, interpretado por Buster Keaton.  Keaton também escreveu o roteiro e dirigiu esse filme americano de 1926.  Johnny tenta se alistar pelos confederados na Guerra Civil, mas é rejeitado por ter uma profissão muito qualificada.  Annabelle pensa que ele é um covarde e, por acaso, é sequestrada junto com “a general” por espiões da União.  Então, Johnny resolve resgatar seus dois amores.  O resultado é um clássico filme de guerra com muita ação e pitadas de suspense, romance e comédia.  Considerando a era do cinema mudo, dá até para achar Keaton melhor do que Chaplin, mas há controvérsias.  O fato é que fiquei fã e quero assistir também: One Week (1920) The Scarecrow (1920) The Play House (1921) Our Hospitality (1923) Sherlock Jr (1924) The Navigator (1924) Seven Chances (1925) The Cameraman (1928)

Cinema de Billy Wilder

“Inferno N° 17” (Stalag 17, 1953) é um filme dramático de Billy Wilder sobre um campo de prisioneiros militares na Alemanha nazista durante a Segunda Guerra Mundial.  É baseado numa peça escrita para a Broadway por Donald Bevan e Edmund Trzcinski, que também atua no filme. A estória gira em torno da suspeita de que o sargento Sefton (William Holden) fosse um informante dos nazistas.  Holden atuou também em “A Ponte do Rio Kwai” (The Bridge on the River Kwai, 1957, David Lean) e “Meu Ódio Será Sua Herança” (The Wild Bunch, 1969, Sam Peckinpah), além de ser dirigido por Wilder no ótimo “Crepúsculo dos Deuses” (Sunset Blvd, 1950). Um dos destaques é o diretor Otto Preminger, de “Laura” (1944, com Vincent Price) e “Anatomia de Um Crime” (Anatomy of a Murder, 1959, com James Stewart) interpretando o comandante Oberst von Scherbach, que faz questão de calçar as botas quando tem que telefonar para Berlim, só para bater uma na outra ao fazer a continência. Mas o principal destaque é a dupla form…

The Walking Dead

As TV's pagas Fox e FX estão exibindo em pleno feriado de Finados o primeiro episódio de "The Walking Dead", do Frank Darabont, que estreou antes de ontem nos Estados Unidos.  Para quem não se lembra, o franco-americano Frank Darabont dirigiu os ótimos "Um Sonho de Liberdade" (The Shawshank Redemption, 1994) e "À Espera de um Milagre" (The Green Mile, 1999).  Depois dos vampiros, agora é a vez dos zumbis no cinema e na literatura.

Ignorância ou cinismo?

A velha classe média paulista não votou na Dilma porque ela teria sido “terrorista”, mas elegeu senador o Aloysio Nunes, motorista e guarda-costas do Carlos Marighela.  Será cinismo ou simplesmente ignorância?  Agora, essa gente destila preconceito e discriminação, apontando como causa de sua frustração e amargura principalmente os nordestinos e os analfabetos.  Logo essa burguesia, que é politicamente analfabeta e alienada.  Pensando nessa “raça”, termo usado por aquela múmia nazista de Santa Catarina, lembrei deCazuza: “A burguesia fede, a burguesia quer ficar rica, e enquanto houver burguesia não vai haver poesia”.

Para entender a vitória do povo

Dilma venceu na região norte, com destaque para o Amazonas, e com exceções mais importantes de Roraima e principalmente do Acre. No Acre, o Tião Viana se elegeu no primeiro turno, batendo o candidato da direita. Não sei até que ponto a Marina teve influência.
Dilma venceu bem no Nordeste, com destaque para Maranhão, Ceará, Pernambuco e Bahia.
Dilma venceu no sudeste, graças a Minas e Rio, que fizeram toda a diferença. Para entender o resultado de Minas é preciso lembrar do editorial do jornal “O Estado de Minas” em 3 de março: “Minas a reboque, não!”.
As regiões sul e centro-oeste optaram pelo candidato da direita, com destaque para Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná e Santa Catarina.
A coalizão de direita elegeu dez governadores, com destaque para Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Minas. Minas só não quis votar no paulistano Zé Chirico. Em São Paulo, a vitória do Picolé de Chuchu, da Opus Dei, foi apertada e, mesmo para a presidência, a direita não deslanchou. No Paraná, …

Apesar de você

Apesar da Veja, da Folha, do Estado e da Globo
Apesar dos spams difamatórios carregados de preconceito e ódio, espalhados por ignorantes que não conhecem a história recente do país e também pela direita consciente
Apesar das calúnias pela internet, por panfletos e por telemarketing
Apesar da ala retrógrada da Igreja, que deveria cuidar do Banco do Vaticano e da pedofilia
Apesar da Opus Dei e da TFP
Apesar dos integralistas e dos monarquistas
Apesar das promessas eleitoreiras do Zé Chirico – salário mínimo de R$ 600, reajuste de 10% para os aposentados
Apesar da privataria e xenofilia do PSDB e de sua propaganda enganosa e hipócrita
Apesar dos apoiadores da ditadura militar, do DEM (UDN, Arena, PDS, PPB, PP, PFL – trocam de nome como se troca de camisa)
Apesar dos exterminadores do Partidão e dos vira-casacas do PPS – Gabeira, Soninha etc
Apesar do Instituto Millenium, do Ternuma e dos ex-torturadores
Apesar de toda "essa raça", termo usado por aquela múmia nazista de Santa C…

Apesar de você

Hoje você é quem manda
Falou, tá falado
Não tem discussão
A minha gente hoje anda
Falando de lado
E olhando pro chão, viu
Você que inventou esse estado
E inventou de inventar
Toda a escuridão
Você que inventou o pecado
Esqueceu-se de inventar
O perdão
Apesar de você
Amanhã há de ser
Outro dia
Eu pergunto a você
Onde vai se esconder
Da enorme euforia
Como vai proibir
Quando o galo insistir
Em cantar
Água nova brotando
E a gente se amando
Sem parar
Quando chegar o momento
Esse meu sofrimento
Vou cobrar com juros, juro
Todo esse amor reprimido
Esse grito contido
Este samba no escuro
Você que inventou a tristeza
Ora, tenha a fineza
De desinventar
Você vai pagar e é dobrado
Cada lágrima rolada
Nesse meu penar
Apesar de você
Amanhã há de ser
Outro dia
Inda pago pra ver
O jardim florescer
Qual você não queria
Você vai se amargar
Vendo o dia raiar
Sem lhe pedir licença
E eu vou morrer de rir
Que esse dia há de vir
Antes do que você pensa
Apesar de você
Amanhã há de ser
Outro dia
Você vai ter …

Vai passar

Vai passar
Nessa avenida um samba popular
Cada paralelepípedo
Da velha cidade
Essa noite vai
Se arrepiar
Ao lembrar
Que aqui passaram sambas imortais
Que aqui sangraram pelos nossos pés
Que aqui sambaram nossos ancestrais
Num tempo
Página infeliz da nossa história
Passagem desbotada na memória
Das nossas novas gerações
Dormia
A nossa pátria mãe tão distraída
Sem perceber que era subtraída
Em tenebrosas transações
Seus filhos
Erravam cegos pelo continente
Levavam pedras feito penitentes
Erguendo estranhas catedrais
E um dia, afinal
Tinham direito a uma alegria fugaz
Uma ofegante epidemia
Que se chamava carnaval
O carnaval, o carnaval
(Vai passar)
Palmas pra ala dos barões famintos
O bloco dos napoleões retintos
E os pigmeus do bulevar
Meu Deus, vem olhar
Vem ver de perto uma cidade a cantar
A evolução da liberdade
Até o dia clarear
Ai, que vida boa, olerê
Ai, que vida boa, olará
O estandarte do sanatório geral vai passar
Ai, que vida boa, olerê
Ai, que vida boa, olará
O estandarte do s…

Resposta a um amigo

Durante essa longa campanha, posso dizer que não vi nenhum programa eleitoral exceto o último, de ontem à noite. Achei patético o Zé Chirico cantando "verás que um filho teu não foge à luta". Com o golpe militar, ele foi o primeiro a fugir! Aliás, vocês viram a recaída da Globo, com aquele close no Zé Chirico quase chorando ao final do debate? Desespero da direita.
Pois é, um amigo, eleitor do Zé Chirico, me questionou sobre quem seria de esquerda então. Respondi assim (suprimindo as personificações):
Caro amigo, surpreendo-me que você não saiba, já que em minha percepção você tem cultura acima da média. Não faço proselitismo e por isso te respondo que as seguintes entidades NÃO são de esquerda: TFP, Opus Dei, AIB, Ternuma, Instituto Millenium, Democratas (UDN/ARENA/PDS/PPB/PP/PFL) além de coronéis torturadores e heróis da resistência que se tornaram vira-casacas. "Coincidentemente" todos esses apóiam a candidatura do Zé Chirico. É isso. Lamento pelos irmãos bra…

Contagem regressiva

Agora faltam dois JN e uma Veja.  Isso sem contar uma provável armação da Globo no debate de amanhã.  Ou uma decisão da Folha de expor detalhes (convenientes à direita) sobre a luta de Dilma durante a resistência à ditadura militar, poupando os vira-casacas como Aloysio Nunes, Roberto Freire, Gabeira etc. Quem viver, verá.
Hoje vieram me "avisar" que a Marina teria decidido apoiar o Zé Chirico.  Estranhei.  Fui ver o site (verdadeiro) dela.  Era fraude espalhada pela Internet.  Na verdade, ela disse: "Não usem meu nome para o vale-tudo eleitoral", repreendendo os setores mais reacionários do PSDB.
Mais tarde, soube que o Zé Chirico recomendou às "meninas bonitas" de Minas Gerais que dessem um jeito para que seus pretendentes votassem nele! Saiu no jornal dele, a Folha.  Antes, ele tinha "cantado" ao vivo a apresentadora da Band.  Criticou a gravidez da Xuxa. E também ensinou o vice a ter amantes com discrição.  Agora, a meme #serracafetao é uma …

Direito à vida e à justiça

Hoje faz 35 anos que Wladimir Herzog, diretor de jornalismo da TV Cultura, foi "suicidado" pelos agentes da ditadura militar apoiada pelo partido Democratas (que na época se chamava ARENA). Hoje seus torturadores fazem parte da comunidade ultraconservadora que apóia a campanha do candidato da direita José Serra. Para quem não conhece o passado recente de nosso país, saiba mais emhttp://www.vladimirherzog.org/

Ignorância e preconceito

Agora só falta uma semana! Mas temos que tomar cuidado. Como um animal ferido e acuado, a direita é muito perigosa e vai partir para o tudo ou nada. A direita não tem mais nada a perder.Basta observar como estão se comportando os seus porta-vozes.Basta abrir a Folha e o Estado.Basta ver a capa da Veja. É suficiente acompanhar o “jornalismo” da Globo.Já perderam a credibilidade, se tinham alguma. É hora de vigiar e evitar confrontos.Vai ser difícil ficar calado ao ouvir bobagens de gente que não conhece a história recente do país, de gente que não lê e vota baseada em ignorância e preconceito.Os reacionários estão atirando para tudo quanto é lado, através de spams e sites de relacionamentos.É divertido, para não dizer trágico, ver a direita deixar a vergonha de lado e tirar a máscara ao revelar toda sorte de preconceitos.Mas lembre-se de que é “melhor permanecer calado e passar por tolo, do que abrir a boca e não deixar dúvidas sobre isso”. Confesso que fiquei apreensivo quando o segundo…

O vale-tudo dos spams

Outro dia recebi outro spam político-eleitoral, agora com um filminho anexado, que talvez seja de autoria ou protagonização de um jurista ligado a Opus Dei, chamado de “professor” pelo remetente.  Disse talvez porque não vi o filme.  Só li o texto, em consideração ao amigo, que pretendia me alertar sobre o perigo de se votar na Dilma.  Não tenho dúvidas de que o amigo o fez na melhor das intenções - aconselhar com dedicação e boa-fé. De forma franca, respondi que torço para que o tempo passe rápido e cheguemos logo a novembro.  Depois de ver o crescimento das intenções de voto no candidato da direita, arrazoei que a escolha popular seja lá qual for deve ser respeitada.  O povo deve exercer sua soberania.  E não faz parte do espírito democrático contestar a escolha popular quando essa for diferente da nossa própria escolha. Se o povo decidir aceitar o discurso difamatório e conspiratório, e fazer valer o voto por ignorância e por preconceito, então provavelmente esse destino já esteja e…

Ocean Heaven

Ontem vi "Ocean Heaven" (2010), filme chinês falado em mandarim, escrito e dirigido por Xiao Lu Xue.  Nele,  Wang Xingchang (Jet Li) é um pai dedicado e desesperado.  Seu filho Dafu (Wen Zhang) é autista.  O drama começa quando o pai, ao descobrir que tem um câncer terminal, tenta o suicídio, atando um peso à própria perna e à perna do filho e saltando de um barco no meio do oceano.  A tentativa não dá certo porque o rapaz, exímio nadador, desata e salva ambos, imaginando talvez que fosse um treino, uma brincadeira.  A alternativa do pai é ensinar o filho a sobreviver sozinho, enquanto procura um lar de pessoas especiais para o rapaz. Se não me engano, para Jet Li este é seu primeiro papel dramático não ligado às artes marciais.  É possível que fãs conservadores me repreendam, mas eu acho que este é o melhor filme com o Jet Li.  Meus amigos também são conservadores no que se refere a cinema. Também fui contestado ao eleger o melhor filme de James Bond: “007-Cassino Royale” (C…

Festa adiada

Aviso aos navegantes: a nossa festa foi transferida para dia 31. Se o povo quiser, teremos então a primeira mulher presidente do Brasil. Na segunda-feira, confesso que fiquei desapontado quando soube que haverá segundo turno. Temi as conseqüências de mais um mês de baixaria, difamação e calúnia contra a candidatura da Dilma. A direita, que se safou de uma derrota humilhante no primeiro turno, está em festa. Alguns alienados voltaram a me enviar spams que fazem parte de uma campanha sórdida promovida por ex-torturadores.
Para falar a verdade, nem ligo mais para esses spams, que já identifico apenas pelo título e pelo nome do remetente. Geralmente são reproduzidos por pessoas de boa índole, comuns na velha classe média, gente que não é rica e nem pobre, mas que faz escolhas baseadas ora na ignorância e ora no preconceito. Quando me refiro à ignorância, não o faço de forma pejorativa, mas no sentido de que tais pessoas não conhecem a história recente do país. Darei um exemplo. Sem…

Obama também é atacado pela mídia golpista

Recebido por e-mail do grupo observador da imprensa "Media Matters for America", o texto a seguir, que tentei traduzir, parece algum artigo do Observatório da Imprensa sobre o nosso PiG (Veja/Abril, Folha/UOL, Estado, Globo, Band), mas não é. Também nos Estados Unidos a mídia conservadora se transformou em partido político de oposição.
Em entrevista para a revista Rolling Stones, o presidente Obama falou sobre o clima na política e na mídia americana criticando o ponto de vista claro e inegável da Fox News que, segundo ele, é destrutivo para o crescimento de uma nação competitiva no mundo e que tem uma classe média vibrante.
Desde que Obama assumiu no ano passado, a Fox transformou-se de uma fonte de notícias com viés conservador para vir a ser a “voz da oposição”.
Em assuntos que vão desde impostos na área da saúde até meio ambiente, do papel do Islã ao papel dos sindicatos, a Fox age como partido político, não como rede de notícias. Seus “jornalistas” de “opinião” e “notíci…

Está chegando a hora

Domingo vai rolar a festa. Do povo. Sua. Nossa. De quem quiser.
Mas tem gente que vai ficar de fora:
Filhinho de papai que ridiculariza empregados domésticos. E gente chique que se diverte com isso.
Novo-rico que sonega imposto de renda. E acha que o importante é levar vantagem em tudo, certo?
Jornalista que ofende e humilha garis. E que chama patrão de colega.
Spammer que espalha difamação e conspiração.
Hipócrita que posa de moralista.
Reacionário de memória curta, isto é, que não lê, e se “informa” por fofoca e por spam.
Xenófilo que acha que tudo que é primeiro-mundo é melhor. E que tem vergonha do que é genuinamente brasileiro.
Gente cheirosa que tem nojo de pobre.
Viúva e filhote da ditadura.
Torturador.
Fujão.
Vira-casaca.
Esqueci de alguém?

Liberdade sob ataque

Essa é a manchete na capa da revista Veja desta semana. Faz parte do movimento dos reacionários iniciado há uma semana e que realizou um ato público na última quarta-feira, chamado de “manifesto em defesa da democracia”. Tudo começou sábado passado, em Campinas, quando o presidente afirmou que alguns jornais e revistas se comportam como se fossem um partido político e têm um candidato. É claro que Lula se referiu ao PiG, principalmente Veja e Folha, que se transformaram no comitê central da campanha de Serra à presidência. Diz-se que amanhã o Estadão vai declarar seu voto em Serra. Apesar de tudo, tenho que reconhecer que o Estadão sempre foi mais transparente que a Folha, desde os anos de chumbo.
Na quinta-feira houve o ato contra o golpismo midiático e pela ampla liberdade de expressão, no Sindicato dos Jornalistas de São Paulo. No mesmo dia, Lula afirmou ao portal Terra que nove ou dez famílias dominam a comunicação no Brasil. É verdade.
Há uma polarização que se acentua à medi…

Viver é fazer escolhas

Quem me conhece sabe que não sou um grande entusiasta dos assuntos religiosos. Mas confesso que as últimas eleições e o referendo sobre a proibição da comercialização de armas de fogo e munições, ocorrido em 2005, trouxeram à minha lembrança aquela passagem de Mateus 24:40-41: “Então dois estarão no campo, um será tomado, e deixado o outro, duas estarão trabalhando num moinho, uma será tomada, e deixada a outra”. Explico o motivo. De alguma forma, acho desconfortável a situação em que pessoas, inclusive amigos, parentes e familiares acabam por fazer escolhas diferentes e mesmo antagônicas. É claro que o problema não é a democracia e o pluralismo. O problema passa a existir quando as pessoas se separam e se afastam por causa daquelas escolhas e há uma ruptura que se aprofunda pela falta de tolerância. A exacerbação desse processo leva eventualmente à agressividade e ao ódio.
Pela observação da linguagem, tanto falada quanto escrita, de pessoas inconformadas com a escolha alheia, a…

A Noite dos Mortos-Vivos

A Noite dos Mortos-Vivos (Night of the Living Dead, George Romero, 1968) é um filme de terror, independente e de baixo custo, que acabou se tornando um dos maiores clássicos do gênero. Nele, um homem morto se levanta, antes de ser enterrado, e ataca os irmãos Barbra e Johnny, que estão depositando flores no túmulo do pai. Ela consegue escapar, refugiando-se na casa sede de uma fazenda. Devido a uma estranha radiação vinda do espaço, os mortos estão voltando a andar! Bem, não vou contar o filme, que consegui ver somente hoje. Durante sua exibição, que tem começo, meio e fim bem delimitados, seqüenciais, sem flashbacks, fiquei me perguntando qual seria o significado daquela horda de zumbis perseguindo as pessoas para literalmente devorá-las. É importante lembrar do momento histórico pelo qual passava os Estados Unidos. Seria uma multidão de comunistas bárbaros a fim de destruir o modo de vida americano? Seria a nova geração, prestes a romper com as sagradas tradições? Seria um leva…

A Cabana

Por indicação bem intencionada de amigos, acabei de ler “A Cabana” (The Shack – where tragedy confronts eternity, William Paul Young, 2007), que está na lista dos livros mais vendidos do jornal The New York Times há mais de 2 anos. Segundo a estória, um homem cuja filha foi raptada é convidado por Deus a um encontro em uma cabana isolada. A questão a que o livro se propõe é: se Deus é tão poderoso, por que não faz nada para evitar e amenizar o nosso sofrimento? Para o autor, o livro traz respostas surpreendentes que podem transformar a vida do leitor. Bem, não tenho tal certeza. A estória até que é boa, mas confesso que não transformou a minha vida, aparentemente. Contudo, acho que o livro tem transformado a vida do autor. Claramente ele espera que em breve seu livro sirva de roteiro para um filme. Pois é, ocupar-se de Deus e do sobrenatural tem transformado a vida de muita gente, não? Gasta-se e ganha-se um bom dinheiro com isso. Para conhecer aquelas respostas surpreendent…

Veja antes que seja banido da web

Recebi um spam com um link para um vídeo que reproduzirei aqui - o link, não o spam e seu texto ruim.
Muitas vezes, quando recebo um spam, costumo verificar a sua origem.
Nesse caso, um usuário do YouTube postou com legendas em português o vídeo de outro usuário, que deve tê-lo retirado do Common Dreams. O discurso completo também foi divulgado com legendas e sem colagem de imagens pelo Passa Palavra. O veterano citado fez esse discurso na associação "Iraq Veterans Against The War" e não morreu ou foi morto em seguida como atesta o spam e conforme o primeiro usuário no YouTube. Sem dúvida, é um belo discurso, sinal de que há americanos achando que o lucro não pode estar acima de tudo e estão contra o armamentismo. Ótimo.
Mas, e o texto apócrifo que precede o link para o vídeo? Puro lixo. Aliás, a gente percebe que é spam já pelo próprio título - "vejam antes que retirem da rede, que seja banido da net". Além da mentira, um spam é caracterizado pela linguagem em…

Ler e escrever

Hoje fui à Bienal do Livro e fiquei surpreso com o número de visitantes. Havia muita gente. Parece que os brasileiros estão lendo mais. Os números do mercado editorial revelam um aumento da produção e da venda de livros, além da queda do preço médio do livro. Esse parece ser mais um dado relacionado ao tal “feel good factor”. Desde a primeira eleição de um operário à presidência da república, a contragosto da burguesia udenista, muita gente tem saído do estado de pobreza e ingressado na classe média. O principal resultado talvez tenha sido o aumento de nossa auto-estima. Estamos até lendo agora!
Eu, que andava desanimado ao ver tanta gente se informando através de spam e de fofoca, agora fiquei entusiasmado. Talvez uma parcela das pessoas que vêem suas caixas postais inundadas com mensagens não solicitadas e, na maioria das vezes, muito mal escritas, tenha chegado à conclusão de que é necessário voltar a ler para aprender inclusive a escrever. No meio corporativo, em que a troc…

Montanhas do Rio

Imagem
Não é só Minas Gerais que tem montanhas bonitas. Veja ao lado algumas das fotos que tirei na serra fluminense. A primeira mostra o pico Dedo de Deus, que fica no Parque Nacional da Serra dos Órgãos, visto do mirante do Soberbo, em Teresópolis. Na segunda, vemos a Pedra de Santa Teresa, ponto de interesse geológico, em Bom Jardim. A terceira traz uma vista da pedra do Cão Sentado, em Nova Friburgo. E a última, os morros da Mulher de Pedra, vistos de um ponto na estrada que liga Nova Friburgo a Teresópolis.


Um paulistano na Guanabara

O Rio de Janeiro continua lindo. Claro, Gilberto Gil se referia à zona sul. Ontem fui ao centro, depois do trabalho. Mais exatamente, à Cinelândia. Tomar um chope no Amarelinho. Dali se vê prédios turística e arquitetonicamente interessantes, como a Câmara de Vereadores, o Teatro Municipal, o Museu Nacional de Belas Artes e a Biblioteca Nacional. Pena que estou a trabalho, sem tempo de rever o Rio na condição de turista. Mesmo assim, como tenho ido a diversos clientes espalhados pela região, tenho visto de passagem diversos pontos de interesse turístico. Disse “de passagem” porque tenho dirigido pela cidade. E até que, para um paulistano, bem. Como me disseram aqui, andar pelo Rio é fácil. Com a Avenida Brasil e os corredores Linha Amarela e Linha Vermelha, que são vias expressas, você vai a qualquer parte da cidade. Confirmei isto na prática, e achei muito mais simples do que dirigir em São Paulo. Não pude deixar de notar também a construção de teleféricos em morros envol…

A Origem

Ontem foi a estréia de "A Origem" (Inception, 2010), filme escrito, produzido e dirigido pelo inglês Christopher Nolan. Nele, Dom Cobb (Leonardo DiCaprio) é o melhor especialista em roubar segredos guardados no subconsciente das pessoas enquanto elas estão sonhando. O desafio começa quando ele é contratado para fazer exatamente o contrário: em vez de roubar uma idéia, ele deve implantá-la na mente de uma pessoa. De fato, é um excelente suspense de ação e ficção científica. Nolan dirigiu "Batman Begins" (2005) e "Batman - O Cavaleiro das Trevas" (The Dark Knight, 2008), além de "Amnésia" (Memento, 2000) e "O Grande Truque" (The Prestige, 2006), todos ótimos filmes.
Se você estiver na Grande São Paulo, sugiro que veja a versão IMAX no Espaço Unibanco Pompéia. A seguir, o teaser:

Adoniran Barbosa, 100 anos

Com todo o mundo lembrando os 100 anos que o Adoniran Barbosa faria hoje, fiquei com vontade de ouvir o meu primeiro disco dele. É um LP estéreo lançado pela EMI-Odeon em 1974. Na contracapa se vê uma esquina com um anúncio assim: "Chops a 200 réis". Era São Paulo no tempo dos bondes, provavelmente quando o João Rubinato chegou à nossa "terra da garoa". Que saudade!
Não está nesse disco, mas das obras dele uma das minhas favoritas é o Samba do Arnesto:
O Arnesto nos convidou pr’um samba, ele mora no Brás
Nóis fumos, não encontremos ninguém
Nóis voltermos c’uma baita de uma reiva
Da outra vez nóis num vai mais
Nóis não semos tatu!
No outro dia encontremo com o Arnesto
Que pediu desculpas mais nóis não aceitemos
Isso não se faz, Arnesto, nóis não se importa
Mas você devia ter ponhado um recado na porta
Um recado assim ói: “Ói, turma, num deu pra esperá,
Aduvido que isso, num faz mar, num tem importância,
Assinado em cruz porque não sei escrever”

Muito divertido. Agora, emoção m…

Veludo Azul

Que filme! É o que expressei ao rever depois de muito tempo essa obra-prima do David Lynch: "Veludo Azul" (Blue Velvet, 1986). Nele, Jeffrey Beaumont (Kyle MacLachlan, das séries Twin Peaks e Desperate Housewives) acha por acaso uma orelha humana jogada no mato e daí resolve investigar junto com a filha do detetive Williams (George Dickerson), Sandy (Laura Dern). Aí ele descobre um mundo que é exatamente o oposto de sua cidade natal, Lumberton, típico paraíso do american way of life. Aquele mundo estranho, surpreendente e desconhecido é povoado pela violência e insanidade do vilão Frank Booth (Dennis Hopper, magistral), além da beleza e sensualidade da cantora Dorothy Vallens (Isabella Rossellini, magnífica). Se você procurar, vai achar resenhas mais completas e criativas a respeito desse filme. Por isso, vou-me limitar a destacar a trilha sonora. A cena em que Ben (Dean Stockwell) imita Roy Orbison em "In Dreams" é antológica. Mas a Isabella Rossellini interp…

Pedágio em São Paulo

Antes de voltar da Itália, procurei saber o preço dos pedágios por lá. Vou comparar aqui o valor gasto em pedágio em trechos longos e curtos, citando as fontes, ao contrário do que fazem os spammers.
Comparando-se o valor do pedágio em uma viagem de carro por 600km na Itália e no Brasil, temos o seguinte:
De Milão a Roma, 567km, são 34,90 euros, o que dá R$ 77,64 na conversão de hoje, resultando em 13, 69 centavos por quilômetro.
De São Paulo a Presidente Prudente, 558km, são R$ 64,55, ou seja, 11,56 centavos por quilômetro.
De São Paulo a Belo Horizonte, 586km, são R$ 7,70, ou seja, 1,50 centavos por quilômetro.
Nessa comparação, rodar num país de primeiro mundo e da União Européia custa 20% mais caro do que em nosso estado. Por outro lado, aqui o pedágio estadual é 670% mais caro do que o federal!
Se fizermos a comparação em um trecho dez vezes menor, temos o seguinte:
De Milão a Varese, 52km, são 1,30 euros, o que dá R$ 2,89 na conversão de hoje, ou seja, 5,56 centavos por quilômetro.
De…

Duomo

Imagem
Hoje resolvi ir até Milão para rever o Duomo. Dura cerca de uma hora a viagem de trem de Varese a Milão. Depois são mais uns dez minutos de metrô e, na terceira parada, chegamos à estação da praça do Duomo. É impressionante a beleza dessa catedral, tanto vista de fora como por dentro. Também é imprescindível subir de elevador até o terraço, de onde se tem belas vistas da cidade. Ao lado da catedral fica a famosa Galleria Vittorio Emanuele II, com diversas lojas, restaurantes e hotéis. Uma pizza de mussarela de búfala, com massa bem fina, e dois chopps me deram coragem de enfrentar o trem na volta. Fora um pequeno atraso, incomum no restante da Europa, e as muitas paradas pelo trajeto, passei mal por excesso de calor dentro do primeiro vagão. Tive que ficar ao lado da porta, que podia ser aberta apenas nas paradas. Quase desisti, até descobrir que era um problema específico daquele vagão, que estava extremamente abafado, com um defeito na ventilação. Bastou trocar de vagão e p…

Comune di Varese

Imagem
Cheguei agora, há pouco, a Varese, capital da província homônima, situada a 55km de Milão, ao noroeste da Lombardia, praticamente na divisa da Itália com a Suiça italiana. É uma cidade pequena, de uns 80.000 habitantes, sem muita coisa para se ver, a não ser o Sacro Monte. Se houver tempo irei até lá e então descreverei o lugar. Assim que possível, incluirei algumas fotos: uma da torre da igreja, vista da Piazza Monte Grappa; e outra da capela na Piazza Madonnina In Prato.

Eraserhead

“Eraserhead” é o primeiro longa-metragem de David Lynch, o criador da série “Twin Peaks” (1990). Não sei dizer se também é o mais estranho, porque dizem que “Estrada Perdida” (Lost Highway, 1997) é muito esquisito. De qualquer forma, a esquisitice é marca registrada de Lynch, que adora um mundo polarizado e dualista dos bons contra os maus, com ambientes escuros e decadentes, cortinas vermelhas, luzes piscantes, personagens deformados, closes nos olhos, ferimentos na cabeça, sonhos e pesadelos. Mesmo os filmes mais comportados dele, como “O Homem Elefante” (Elephant Man, 1980) e “Uma História Verdadeira” (The Straight Story, 1999), contém pelo menos um desses elementos. Em Eraserhead, Jack Nance interpreta Henry Spencer, um gráfico em férias dividido entre cuidar do filho mutante que teve assexuadamente com a namorada, observar a moça que canta no sistema de calefação, e desejar a vizinha morena e sensual. Veja o trailer no YouTube e só procure assisti-lo se você for mesmo um ciné…

Lazer e cultura na cidade

Nesse feriado fui ao Horto Florestal, também desconhecido por Parque Estadual Alberto Löfgren. É uma das poucas áreas verdes que ainda restam na cidade. Fica ao lado do Núcleo Pedra Grande do Parque Estadual da Cantareira. E é freqüentado principalmente pelos moradores da zona norte da cidade, no distrito do Tremembé. Sempre tem gente espalhada pelas áreas de piquenique, playground, campo de futebol e trilha. Se não me engano, os pedalinhos ainda não voltaram a ficar disponíveis nos lagos, onde se podem observar carpas, patos, gansos, biguás, tartarugas, capivaras e diversos pássaros. Mas me chamou a atenção o pouco interesse pelos museus. O Museu Florestal Otávio Vecchi estava fechado. Mas no Palácio de Verão do Governador pouca gente visitava a exposição de pinturas de pacientes-artistas do Juqueri. Além dos lindos vitrais produzidos pela antiga Casa Conrado (que também criou os vitrais do Mercado Municipal), dos utensílios e do mobiliário do palácio, vale a pena ver as obra…

Centro velho, saudade nova

Sempre que vou ao centro velho da cidade de São Paulo, “alguma coisa acontece no meu coração”. Não sei bem explicar o sentimento. É uma nostalgia, uma agonia de querer que o tempo voltasse à época de garoto, em que eu perambulava pelo centro à procura de um disco, um gibi, um livro. Tenho orgulho de ser paulistano da gema. Mas não aquele orgulho besta, separatista, que os provincianos têm. Gosto da cidade, do estado, do país, do mundo. Mas o centro velho de São Paulo me traz lembranças, boas por sinal.
Gosto particularmente da Santa Ifigênia, entre a Luz e a República. Infelizmente a região foi abandonada pelo poder público e tem problemas com drogas, violência e prostituição. Talvez só não esteja em piores condições devido ao vigoroso comércio de eletro-eletrônicos nas centenas de lojas de artigos de iluminação, som, vídeo e informática. Mesmo a gente chique e cheirosa, que adora a Paulista e os shoppings da zona sul, vai dar o braço a torcer e reconhecer o valor turístico da P…

Pac-Man, 30 anos

Tive uma boa surpresa hoje ao abrir o Google. O doodle do dia faz referência aos 30 anos do game Pac-Man. Lembra dele? Depois que comprei meu TK85 (clone nacional do ZX81 da Sinclair), acho que em 1985, passei horas em frente à TV jogando TK-Man, que era uma versão da Microsoft para o Pac-Man. Foi aí que me apaixonei pela informática. Antes disso, cheguei a ter aulas de programação na universidade, mas detestei porque não tinha entendido nada. Mas, a leitura do manual de operações com programação BASIC do TK85 mudou tudo: comecei a aprender BASIC e linguagem de máquina para o ZX81. Depois tive um CP400-Color II, um MSX e vários PC's. Por hobby, andei estudando Visual BASIC, Java, C e C++ e até me tornei entusiasta do Linux. Hoje voltei no tempo e achei uma preciosidade para os saudosistas do ZX81: "ZX81 Never Die". A garotada que hoje joga "Grand Theft Auto IV" no Playstation 3 não imagina o quanto as coisas mudaram ao longo desses trinta anos. Não im…

O desespero da direita e o spam

Um amigo de Curitiba me encaminhou um spam denominado “Para avaliação”. E não foi com o intuito de apenas disseminar o spam, até porque o referido amigo é uma pessoa inteligente e bem informada. Ele se diz cansado de receber esse tipo de e-mail não solicitado que difama o governo atribuindo-lhe todos os males possíveis e imagináveis. Esse em particular começa assim: “recebi este e-mail e realmente temos que avaliar, o risco é muito alto, e cuidado, pois estas informações estão na parte da bula que você não lê”. O spam “patriótico” mostra preocupação com a possibilidade de a nossa futura presidente não poder comparecer à Assembléia Geral da ONU porque ela teria sido condenada nos Estados Unidos por sua participação na resistência à ditadura, estando assim impedida de pisar em solo americano. Não vale a pena falar dos detalhes de mais essa farsa contra a ministra.
A resposta é muito simples. Ontem mesmo a pré-candidata deu palestra em Nova Iorque, conforme noticiou o próprio PiG, qu…

A Carruagem Fantasma

Este é virtualmente um dos melhores filmes que já vi em toda a minha vida! Se a gente considerar que ele foi realizado em 1921, então de fato é o melhor de todos. Extraordinário! Contudo, não recomendo para quem pensa que cinema são aqueles blockbusters americanos para se ver comendo pipoca e tomando coca-cola e esquecer no dia seguinte porque já será apenas um filme velho.
"A Carruagem Fantasma" (Körkarlen, 1921) foi escrito e dirigido pelo sueco Victor Sjöström, que também atuou interpretando David Holm, o principal personagem do romance da conterrânea Selma Lagerlöf. O filme é mudo, com legendas originais em sueco. É branco e preto com tons azulados nas tomadas externas, amarronzados nas tomadas internas e avermelhados nos flashbacks. Com forte influência cristã protestante, o filme é moralista, atribui quase todos os males ao alcoolismo, e prega a possibilidade de salvação. David Holm é um mendigo e bêbado decadente, abandonado pela mulher, que foge com seus filhos. Ao…

Dunga e suas pérolas

Hoje Dunga, o treinador da seleção brasileira de futebol, apresentou a lista dos 23 jogadores que pretende levar à Copa na África do Sul. É claro e normal que muita gente proteste, já que somos mais de 190 milhões de técnicos no Brasil. Eu mesmo tenho pelo menos 3 divergências, isto é, acho que ficaram de fora pelo menos 3 jogadores que estão em um momento muito bom de suas carreiras. De qualquer forma, penso que não vale a pena ficar discutindo a lista dos convocados pelo Dunga. Há gente muito mais capacitada na mídia para discutir essa convocação.
No entanto, gostaria de comentar um trecho da fala de Dunga, durante a entrevista coletiva em que ele anunciou os convocados: "... quem não viveu a época da escravidão não pode falar se era boa ou não; do mesmo modo que a ditadura, quem não viveu a época não pode saber se era boa ou ruim, se deveria voltar...". Reitero que vi o texto na Internet e não o ouvi no rádio ou na televisão. Aliás, o casal do Jornal Nacional bem que …

O Santos é o novo campeão!

O Santos perdeu do Santo André, mas sagrou-se campeão paulista pela 18a vez. De novo, foi um jogão e o placar foi construído no primeiro tempo. O Santo André jogou de igual para igual com o Santos e isto valorizou muito este título. Houve um gol mal anulado do time do ABC e até bola na trave do Santos, que conseguiu segurar o resultado mesmo terminando o jogo com 8 jogadores. O Paulo Henrique provou que é um craque de muita personalidade ao segurar a bola na frente e se recusar a ser substituído no finalzinho da partida. Foi uma das finais mais bonitas e nervosas que já vi. Haja coração! Mas foi merecido, no final das contas. Claro que muita gente invejosa torceu contra o Santos, mas o que seria do futebol-arte que o time vem apresentando até agora, se perdesse o campeonato justo na última partida? Afinal tem sido uma belíssima campanha durante esse primeiro semestre: em 29 jogos, 100 gols!

Serviu a Carapuça

No sábado anterior, dia 10, a pré-candidata do PT às eleições para presidente da república neste ano, Dilma Roussef, disse em São Bernardo que "não foge quando a situação fica difícil; não tem medo da luta; pode apanhar, sofrer, ser maltratada, mas está sempre firme com suas convicções; em cada época de sua vida, fez o que fez por acreditar no que fazia; só seguiu o que a sua alma e o seu coração mandavam; nunca se submeteu; nunca abandonou o barco”.
No dia seguinte, a Folha, que muita gente mal-informada acha que é ou foi petista, estampa: “Dilma ataca rival e diz que não ‘fugiu’ da luta na ditadura”. Pois é, Folha, não dá pra ler. Esse jornal convertido em porta-voz da campanha demo-tucana mentiu novamente. E, como de costume, depois de quatro dias disse que errou. Aí a polêmica já estava formada.
O candidato da Folha, José Serra, que foi co-fundador da Ação Popular (grupo que iniciou a luta armada contra a ditadura militar), optou por se exilar ou, em português claro, fugir.…

Parque Nacional Conguillio

Imagem
Faz tempo que pretendo falar sobre o Parque Nacional Conguillio, que fica em La Araucanía, uma das regiões afetadas pelo terremoto de 27 de fevereiro último no Chile. A princípio, não tinha planejado ir até lá. Mas quando estive em Pucón na primeira semana do ano, visitando las cuevas do vulcão Villarica, um vulcanista me convenceu a visitar a laguna Arcoíris e o vulcão LLaima, que ficam no Conguillio. Fui e não me arrependi. Não sei descrever a sensação de chegar pertinho do LLaima, talvez um misto de medo e de euforia. O Villarica e o LLaima são os vulcões mais ativos da América Latina. O LLaima entrou em erupção pela última vez em janeiro e fevereiro de 2008. Dois anos depois, e cerca de um mês e meio antes do sismo que atingiu a magnitude de 8.8 graus, isto é, de 8 a 10 de janeiro lá estava eu, perplexo com a natureza local. Escolhi algumas fotos que podem descrever melhor o local. O local é tão estranho, bonito e diferente que a BBC foi lá em 1999 para filmar o documentá…

Vale dos Templos

Imagem
Nesta Sexta-feira Santa fui ao Centro Ecumênico Vale dos Templos, em Itapecerica da Serra , e conheci o Templo das Almas (Enko-ji), autêntico templo budista, e o belíssimo Templo Dourado (Kinkaku-ji), que é uma réplica de um templo construído em 1397 em Kioto, no Japão. O local possui uma nascente, pequenas quedas d'água e um lago cheio de carpas e alguns gansos, todos ávidos por um alimento granulado que se pode comprar na portaria do jardim japonês. O local é uma espécie de cemitério de cinzas de cremação de muitas pessoas, inclusive não japonesas, como o autor Cassiano Gabus Mendes, por exemplo. O acesso é pelo quilômetro 285 da rodovia Regis Bittencourt, perto de Embu.
A propósito, fui pelo recém-inaugurado trecho sul do Rodoanel, uma obra importante para a nossa região metropolitana. A inauguração no feriado foi providencial para quem optou por ir ao litoral, vindo das zonas norte e oeste. Por outro lado, como foi inaugurado às pressas devido ao calendário eleitoral, o tr…

Alienado Nosso de Cada Dia

Quando entrei na universidade, descobri que o Brasil não era aquela maravilha que o governo apregoava e que quase todo mundo daqui acreditava. Descobri que a universidade não era apenas um lugar pra gente aprender alguma ciência e ganhar um diploma. A entrada na universidade foi o despertar para a verdadeira realidade daqueles anos de chumbo. Mas naquele tempo poucos chegavam à universidade. E não havia os recursos de comunicação disponíveis hoje em dia. Celular, só na série “Jornada nas Estrelas”. Internet, ninguém sonhava. Previam-se computadores poderosos, mas colocá-los em rede só foi possível graças ao belicistas que, depois da Guerra Fria, temiam o apocalipse atômico.
Hoje, passados tantos anos, muitas vezes ainda fico perplexo ao me deparar com o grau de alienação de muitas pessoas, especialmente dos jovens em plena era da informação. Quase não acredito que uma imensa quantidade de jovens utilize os mais avançados recursos da tecnologia da informação para amenidades impo…

Até logo, Glauco

Quase não acreditei quando soube da morte do cartunista Glauco. As tirinhas dele na Folha eram uma das poucas coisas boas que restavam nesse jornal convertido em porta-voz da oposição conservadora. Assim como o Geraldão, a Dona Marta e outras tantas criações dele, ficamos todos órfãos, nós que éramos seus admiradores.
Minha homenagem ao Glauco é a lembrança da obra de Beto Guedes e Ronaldo Bastos, na voz do Milton Nascimento:
Quem souber dizer a exata explicação, me diz como pode acontecer
Um simples canalha mata um rei em menos de um segundo
Oh! Minha estrela amiga, porque você não fez a bala parar?

Horário das Partidas de Futebol

Os vereadores de São Paulo aprovaram uma lei que limita o horário de término das partidas de futebol na cidade às 23h15, o que significa que os jogos não podem começar depois das 21h30. Se o prefeito não vetar essa lei, esta será um boa notícia para o torcedor que pretende ir aos estádios ou mesmo ver as partidas em casa. Sabemos que nem todos os programas que começam tarde da noite são bons, mas provavelmente os melhores programas começam muito tarde, o que dificulta sua apreciação pelas pessoas que têm que levantar cedo para ir ao trabalho. A antecipação do horário dos jogos não é boa apenas para o torcedor que mora longe e enfrenta a falta de transporte coletivo após as partidas, mas também para os moradores das cercanias dos estádios, que ficam reféns de barulho, depredações e violências quando há jogos na cidade.
O tema tornou-se polêmico porque alguns acham que a TV deve continuar mandando e desmandando no futebol, com a anuência das federações e do Clube dos 13, que ganham mu…

Do spam contra a Dilma

O spam “ruim” a que me referi no post anterior intitula-se “Dilma Roussef com fotos das vítimas”. O texto inclui cinco fotos descritas como sendo de vítimas do terrorismo, e uma foto de uma ficha policial (?) descrita como sendo o curriculum vitae da ministra. Todas as fotos são montagens feitas em computador.
Não comentarei especificamente sobre o texto, que é agressivo tanto do ponto de vista da forma como do conteúdo. Prefiro comentar sobre as montagens e o conjunto da obra.
Primeiro de tudo é preciso entender que existe no mundo uma eterna batalha entre conservadores e progressistas. Durante a Guerra Fria os americanos, temendo a influência soviética na América Latina, fomentaram golpes militares em diversos países. No Brasil, por causa das reformas de base pretendidas pelo governo João Goulart, a classe dominante, contrariada em seus interesses, usou as Forças Armadas para depor o presidente em 1º de abril de 1964. Como esse dia é conhecido como dia da mentira, resolveram cham…

Ser Feliz ou Ter Razão?

Outro dia vi na minha caixa de correio dois spams, um bom, outro ruim.
Claro, não existe bom spam, já que se trata de mensagem não-solicitada enviada para Deus e o mundo. Mas este até que continha uma mensagem que julguei ser válida. Por curiosidade, verifiquei sua procedência no Google. A pesquisa apontou para o http://www.mensagensvirtuais.com.br de 21/09/1998, se bem que por este site a mensagem pode ter sido adicionada em 2005. Ou seja, o texto é relativamente antigo, o que é comum nos spams. Além da recorrência, outra característica comum nos spams é a ocultação da origem do conteúdo que espalham. Não consegui ir adiante para saber exatamente quando o texto foi escrito e quem o elaborou. Mas observei que essa mensagem já foi reproduzida por diversas vezes em homepages, blogs etc. Então, se você já a conhecia, desculpe-me porque vou citá-la a seguir, já que, repito, julguei-a válida.
Veja a estória contada na mensagem:
Oito da noite numa avenida movimentada. O casal já está at…

Voto em Dilma

Vocês já devem ter notado o banner aqui à direita neste blog, que demonstra meu apoio à candidatura da ministra Dilma Roussef à presidência da república em outubro deste ano. Ou seja, eu optei de novo. O PiG, ou seja, a mídia convertida em partido político de oposição mal consegue disfarçar sua opção, e já faz tempo, por José Serra. Tudo bem, eu acho ótimo que se tome partido. Contudo, é claro que a declaração de voto deve ser espontânea. Ninguém precisa fazê-la obrigatoriamente. Por outro lado, espero que a opção do silêncio, que é válida, não tenha origem no medo ou na vergonha. Ou será que ainda vivemos nos tempos de caça às bruxas, quando as pessoas eram transformadas em prisioneiros de consciência por terem cometido o crime de pensar diferente? Infelizmente, de alguma forma isso ainda acontece, admito. Há muitas autoridades, sejam elas pais, líderes de qualquer espécie ou superiores hierárquicos que não toleram desobediências e divergências, não é mesmo? De qualquer form…

Cruce Andino ou Cruce de Lagos

Imagem
A primeira parte do Circuito Chico coincide com os 25 km de extensão da Avenida Bustillo, que liga o centro de Bariloche ao Puerto Pañuelo e ao hotel Llao Llao (pronuncie xau-xau).

Na primeira foto vemos no Puerto Pañuelo o barco que parte diariamente para Puerto Blest. Em segundo plano se vê o hotel e resort Llao Llao e, ao fundo, o cerro López (2076m).

A travessia até Puerto Blest, pelo Lago Nahuel Huapi, dura cerca de uma hora. No caminho, o espetáculo fica por conta das gaivotas, que perseguem o barco em busca de galletas (bolachas, biscoitos) oferecidas pelos passageiros. Infelizmente estava nublado e o vento era forte e frio quando fiz este percurso.

De Puerto Blest segue-se de ônibus por 10 minutos até Puerto Alegre para se navegar pelo Lago Frías durante 20 minutos até Puerto Frias, onde fica a aduana argentina.

Em seguida, cruza-se a fronteira através da Cordilheira dos Andes indo de ônibus de Puerto Frías (na Argentina) até Peulla (Chile). São necessárias duas horas para c…