Setembro

Quando entrar setembro e a boa nova andar nos campos, quero ver brotar o perdão onde a gente plantou juntos outra vez.
Já sonhamos juntos, semeando as canções no vento. Quero ver crescer nossa voz no que falta sonhar.
Já choramos muito. Muitos se perderam no caminho. Mesmo assim não custa inventar uma nova canção que venha nos trazer sol de primavera... abre as janelas do meu peito.
A lição sabemos de cor. Só nos resta aprender.

Comentários