Vlad, o Príncipe Empalador

"Nosferatu" (Nosferatu, eine Symphonie des Grauens, 1922, F.W. Murnau) talvez seja o filme mais antigo sobre vampiros. É mudo e em preto e branco mas, para mim, é o melhor de todos até hoje. O filme tem roteiro de Henrik Galeen e não faz menção ao autor do romance "Dracula", Bram Stoker. Por isso, a viúva de Stoker processou os realizadores do filme, e as autoridades alemãs ordenaram a destruição de todas as suas cópias. Por sorte, intencionalmente nem todas as cópias foram apagadas (...).
A seguir, cito outros filmes de vampiros, em ordem cronológica e, coincidentemente, em ordem (decrescente) de qualidade:
"Drácula"(Dracula, 1931), dirigido por Tod Browning, com Bela Lugosi interpretando o Conde Drácula.
"Drácula"(Dracula, 1958), dirigido por Terence Fisher, com Christopher Lee interpretando o Conde Drácula e Peter Cushing como o Doutor Van Helsing.
"Nosferatu - o Vampiro da Noite"(Nosferatu: Phantom der Nacht, 1979), dirigido por Werner Herzog, com Klaus Kinski interpretando o Conde Drácula.
"Drácula de Bram Stoker"(Dracula, 1992), dirigido por Francis Ford Coppola, com Gary Oldman interpretando Drácula e Anthony Hopkins como o Doutor Van Helsing.
Existem muitos filmes de vampiros, mas estes são os que eu recomendo.
Em tempo: eu acredito em vampiros. Agora mesmo pode haver algum lhe sugando, sem você perceber. ;-)

Comentários