sexta-feira, maio 15, 2009

Relíquia Macabra

Na semana passada a Coleção Folha Clássicos do Cinema publicou "O Falcão Maltês"' (The Maltese Falcon, 1941), o primeiro filme de John Huston e considerado o primeiro film noir. Conta a estória do detetive particular Sam Spade (Humphrey Bogart), que é contratado por Brigid O'Shaughnessye (Mary Astor), a bela mulher fatal, com a intenção velada de encontrar uma estatueta cravada de pedras preciosas com forma de um falcão. Este suspense trata da ambição, da ganância e da frustração, temas que foram novamente abordados por Huston em "O Tesouro de Sierra Madre" (The Treasure of the Sierra Madre, 1948), também com Bogart no papel principal. O elenco inclui Peter Lorre, o vilão de "M, O Vampiro de Dusseldorf" (M, Fritz Lang, 1931), e que também esteve com Bogart em "Casablanca" (Casablanca, Michael Curtiz, 1942) - também lançado pela Folha. Em branco e preto, "O Falcão Maltês" talvez não agrade aos fãs dos atuais blockbusters, mas é um clássico que não pode faltar em nenhuma filmoteca. Não por ser histórico e antológico, mas por ser uma obra-prima. Por apenas R$ 14,90 está incluído um livreto com a ficha técnica, comentários e as biografias do diretor e do elenco. Recomendo, muito.

Nenhum comentário:

Por que não vou torcer para a Croácia

A seleção croata continua enaltecendo o fascismo Outro dia um apresentador do BBB, da Globo, deu a entender que não se deve misturar ...