quinta-feira, fevereiro 19, 2009

Flebocortid e Fenergan

Os nomes no título acima se referem ao tratamento clássico para distúrbios alérgicos. Depois de ter tomado o antibiótico amoxicilina por cerca de duas semanas, tive uma urticária gigante, que me levou três vezes ao Pronto Socorro e a uma internação por dois dias. Agora, felizmente, estou me recuperando à base de corticosteróide. Como dizem os médicos, "se você não sabe o que tem, toma Meticorten".
Sempre fui muito avesso a tomar remédios, embora sempre tenha tomado quando orientado por médico e dentista. Certamente já tomei muita penicilina e só agora, de repente, descobri que não tenho mais tolerância a esse tipo de medicamento.
A imprensa tem noticiado diversos casos de pessoas que acabam adoecendo e morrendo devido a efeitos colaterais do uso de drogas, originados por automedicação ou por indicação ou dosagem inadequadas.
Se tiver tempo, leia mais sobre o Uso Racional de Medicamentos.
A Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária - tem recebido sugestões para mudar bulas de medicamentos. Uma nova padronização deverá facilitar o entendimento dos consumidores a respeito das informações sobre os remédios. Mesmo para aqueles raros cidadãos que tentam lê-las, as bulas chegam a ser praticamente indecifráveis e mesmo ilegíveis.
Para finalizar, lembro que, assim como o vice-presidente da República José de Alencar, que teve alta antes de ontem de um hospital modelo, também tive a oportunidade de refletir sobre o fato de o país não poder oferecer ao povo o mesmo tratamento que recebi.

Nenhum comentário:

Mídia golpista hoje

Domingo é dia de folhear os jornalões e tentar entender o que a máfia dos barões da mídia está querendo que a gente acredite. O Globo, en...