Voltei pra ela


É verdade. A gente nem se via direito ultimamente. Era cada um pro seu lado. Pra falar a verdade, faz tempo que ela não entra em casa. Nossa relação não estava boa. Houve uns tempos em que eu andei com uma moto, inclusive. E minha byke ficava largada, de pneus murchos, com teia de aranha até. Pra falar a verdade, eu nem olhava pra ela. Nem amarrada ela ficava mais. Parecia até que eu queria subconscientemente que alguém a levasse. Mas um relacionamento de 14 anos não acaba assim, sem mais nem menos. Domingo a gente ficou junto. E percebi que nunca deveria ter deixado de andar com ela. Voltamos. Espero que agora seja definitivo. Nem que seja apenas uma vez por semana eu vou andar com ela. Afinal, ninguém é de ferro. Eu, não. Ela é. Essa é a minha byke.

Comentários