Dois filmes diferentes

Sexta e sábado vi dois filmes bem diferentes e interessantes. A seguir, meus comentários:

  • "Ararat" (2002, Atom Egoyan) expõe o genocídio armênio, também conhecido por holocausto e massacre armênio, promovido pelos turcos otomanos de 1915 a 1917 e até hoje não reconhecido oficialmente pela Turquia. O nome do filme se refere ao Monte Ararate que, embora fique na Turquia, é o símbolo da Armênia e também é conhecido por ser supostamente o local onde a Arca de Noé teria tocado terra firme após o Dilúvio. O filme poderia frisar mais a parte histórica, mas se preferiu colocar os acontecimentos históricos como pano de fundo para um drama atual. É a Mostra Internacional de Cinema da TV Cultura, que continua ótima.
  • "Casino Royale" (2006, Martin Campbell) é o melhor 007 feito até hoje. Diferente de todos os outros, este filme é mais realista e mostra o James Bond que comete erros, que se envolve mais com as pessoas e a missão, que não é aquela espécie de super-homem, mas é mais humano. A princípio a gente estranha porque faltam aqueles rostinhos bonitos do cinema de entretenimento. Não tem aquela parafernália tecnológica e nem Guerra Fria. É o novo 007, agora para sempre. Gostei.

Comentários