Postagens

Mostrando postagens de 2007

Feliz 2008!

Pessoal, estou em férias pela região das Missões (Brasil, Argentina e Paraguai) e sem tempo para atualizar o blog. Em breve, haverá muitas novidades.
Como disse um amigo, o ano que vem só não será melhor que 2009. Para todos. Inclusive aos cansados, aos que tiveram vergonha de ser brasileiros nestes últimos anos, aos leitores de Caras e Veja (que são a mesma coisa), aos saudosos dos tempos do Costa e Silva, do Médici, do Geisel e do Figueiredo. Abraço a todos - mesmo.

De Vencedores e de Perdedores

Pequena Miss Sunshine” (Little Miss Sunshine, 2006, Jonathan Dayton e Valerie Faris) é drama e comédia ao mesmo tempo. A pequena Olive (Abigail Breslin) é a garota cujo sonho é vencer o concurso da “pequena miss Sunshine”. Seu pai, Richard (Greg Kinnear), é um fracassado palestrante motivacional que tenta vender sua técnica de nove passos para o alcance do sucesso. Sua mãe, Sheryl (Toni Collette), é a dona de casa com dupla jornada de trabalho e que serve sanduíches e refrigerantes na janta. O tio materno é o ex-professor universitário especialista em Proust, Frank (Steve Carell), recém saído de uma internação por ter tentado suicídio porque seu namorado (isso mesmo) o largou por outro. O irmão da garota, Dwayne (Paul Dano), é um seguidor de Nietzsche que fez voto de silêncio com o objetivo de entrar para a Força Aérea. E finalmente o avô Edwin (Alan Arkin) é um viciado em heroína que dá conselhos incomuns a Dwayne e prepara a garota para o concurso com uma coreografia pra lá d…

Governo Perde Luta Política da CPMF

Esta madrugada me lembrou aquela de 2005 em que o Severino Cavalcanti foi eleito presidente da Câmara. Dessa vez faltaram quatro votos ao governo, que acabou sofrendo talvez sua maior derrota. Resultado: a direita está feliz; e os sonegadores também. Eles (PSDB e Arena-Democratas) criaram o imposto do cheque para a Saúde, aumentaram a alíquota e desviaram o dinheiro arrecadado para outras finalidades, e agora fecharam questão contra o imposto, contrariando os interesses até de seus estados e municípios. Eles só queriam derrotar o governo, que negociou mal ou, pelo menos, tarde demais. Agora, como disse o governador mineiro, é hora de "juntar os cacos".
Soube da notícia pelo "Bom Dia Brasil", através dos exultantes Alexandre Garcia e Miriam Leitão. Sábado os parajornalistas da Veja 40% de propaganda devem continuar a comemoração - quer ver, espere.

Notícias do Brasil

Já que a mídia conservadora e golpista não destaca adequadamente, trago a seguir dois links para sites que trazem dados concretos sobre o que está acontecendo pela primeira vez na história deste país:

Conversa Afiada
Data Popular

Como afirmou Oscar Niemeyer à Folha, "um dia a vida será mais justa".
Enquanto o partido da mídia destaca apenas a ladainha dos pessimistas com a CPMF, com o Renan e com a Venezuela, no plano internacional, em vez dos locais de interesse norte-americano por causa do petróleo, seria bom vê-la destacando as atrocidades que neste momento estão sendo cometidas na Birmânia (Mianmar), na Chechênia, na República "Democrática" do Congo, na Costa do Marfim e em Darfur (Sudão). Para saber mais: por Darfur!

Mais Estranho que a Ficção

A HBO exibiu ontem “Mais Estranho que a Ficção” (Stranger Than Fiction, 2006), penúltimo filme de Marc Forster, que também dirigiu “Em Busca da Terra do Nunca” (Finding Neverland, 2004) e “O Caçador de Pipas” (The Kite Runner, 2007). O filme é sobre o auditor da Receita Federal Harold Crick (Will Ferrel) que leva uma vida solitária e monótona até descobrir que é o principal personagem de um livro cuja autora, Kay Eiffel (Emma Thompson), costuma terminar suas obras matando seus heróis. Quando Harold vai auditar uma padaria-cafeteria, acaba se apaixonando pela proprietária Ana Pascal (Maggie Gyllenhaal). Enquanto a assistente Penny Escher (Queen Latifah) apressa a autora para que o livro seja finalizado, Harold busca ajuda do professor de literatura Jules Hilbert (Dustin Hoffman). É uma mistura de tragédia e comédia com diversas citações incluindo o ótimo filme “Monty Python em Busca do Cálice Sagrado” (Monty Python and the Holy Grail, 1975, Terry Gilliam e Terry Jones). Uma das ce…

Resposta correta?

Outro dia recebi de uma amiga um e-mail intitulado "Resposta correta?", que reproduzo a seguir.
"Questão de Química Básica num exame de Segundo Grau:
- Qual a diferença entre Solução e Dissolução?
Resposta de um aluno:
- Colocar UM qualquer dos * num tanque de ácido para que dissolva é uma Dissolução. Colocar TODOS é uma Solução".


* políticos era a palavra original do texto. Mas, e se a trocássemos por nordestinos? ou gaúchos? Ou ainda negros, brancos, judeus, muçulmanos, corintianos, palmeirenses, homossexuais, heterossexuais, comunistas, fascistas, católicos, protestantes? Há muitas alternativas, não? Então me pergunto se quem engendra um absurdo deste tipo não é capaz de cometer tal atrocidade. Cuando miro el fruto del cerebro humano...

O Labirinto do Fauno

Finalmente vi "O Labirinto do Fauno" (El Laberinto del Fauno, 2006), escrito, produzido e dirigido por Guillermo del Toro, que também fez "A Espinha do Diabo" (El Espinazo del diablo, 2001) e "Hellboy" (idem, 2004). É a estória da menina apaixonada por livros de contos de fadas, Ofélia (Ivana Baquero, atriz catalã de 11 anos), que se refugia no mundo mágico da fantasia ao se deparar com a crueldade do mundo real na Espanha fascista de 1944. O filme é um maravilhoso conto de fadas para adultos, um dos melhores que já vi. Alugue já.

Notícias Desportivas

Brasileiro:
Santos vice, na Libertadores junto com o campeão São Paulo.
Palmeiras perde em casa e fica fora da Libertadores.
Corinthians cai para a 2a. divisão e a Portuguesa está de volta.

Bola de Ouro:
Kaká é o melhor jogador do mundo em 2007.

Copa do Mundo de Vôlei:
Brasil é bi-campeão!

O Farol quer brasileiros melhor educados

Desde sábado a Folha tem sido um pouco da velha Folha que aprendi a admirar desde os tempos de cursinho sob a ditadura militar. Na edição de sábado ela destaca que o Farol de Alexandria agrediu verbalmente o atual presidente e a maioria dos brasileiros, já que nós mal sabemos falar e escrever em português. Ele disse: "Queremos brasileiros melhor educados, e não brasileiros liderados por gente que despreza a educação, a começar pela própria". Na verdade foi um ato de desespero por causa da luta política travada em torno da questão do ICMS e já que tem ficado cada vez mais claro que o mensalão foi obra do PSDB mineiro. Nem vou entrar na comparação da educação tucana em Minas ou em São Paulo, porque isto está sendo feito pelos professores com muito mais propriedade.
A charge do Angeli sobre o Don Sorbonne na edição de ontem está engraçadíssima: "Admito! Chamei aposentados de 'vagabundos', brasileiros de 'caipiras'...mas pelo menos tenho a manha de repetir …

Qualquer Um Consegue Cozinhar

Ratatouille (2007) é o recém-lançado filme de animação escrito e dirigido por Brad Bird (que também fez "Os Incríveis" em 2004). É a estória de Remy, um pobrezinho do interior da França, que aprendeu a ler e por isso rejeita os restos de comida, é expulso do campo e acaba chegando a Paris onde encontra o restaurante de seu ídolo em culinária. Aí ele pode realizar o seu grande sonho, que é tornar-se um chef de cozinha, apesar da oposição de sua própria família e do preconceito da sociedade. Mas trabalhando em equipe com um jovem lixeiro do restaurante, Remy consegue impressionar até o crítico mais ranzinza. Detalhe: Remy é apenas um rato!
De fato, este é um desenho para adultos porque leva a reflexões sobre preconceito, exclusão, intolerância, crítica... mas também sobre otimismo e disposição para o trabalho em equipe e a ênfase do coletivo em detrimento do individual. Troque o verbo cozinhar por muitos outros verbos, e você entenderá a mensagem. Maravilha!

A Revolução dos Bichos

Outro dia recebi de um amigo um spam denominado "Como Capturar Porcos Selvagens", que não vou reproduzir aqui por motivos óbvios. Está disponível em diversos blogs e em alguns fóruns e listas de discussão. Trata-se de um texto apócrifo, escrito com a qualidade de certas soap operas, panfletário e proselitista, possivelmente inspirado na cartilha do Democratas (;-) - sempre rio desse cinismo), ex-PFL, ex-PDS, ex-Arena, ex-UDN, um verdadeiro grito (ou será grunhido?) contra políticas sociais. Deve ser obra de quem não lê. Ou lê imprensa marrom, como aquela revista com 40% de propaganda, associada ao racismo e com tendência católico-judaica-norteamericana-novorrico-conservadora.
A direita, travestida de liberal e democrata, já foi mais criativa. Mesmo assim, lembrei de "A Revolução dos Bichos" (Animal Farm, 1945, George Orwell). Esta obra nos leva a descer do muro e refletir sobre o extremismo, de qualquer lado, que sempre culmina em atrocidades e crimes contra a…

2 Filhos de Francisco

Ontem finalmente vi "2 Filhos de Francisco - A História de Zezé di Camargo & Luciano " (Breno Silveira, 2005), que conta a história de um homem pobre e simples, que teve realizado o sonho de tornar seus filhos estrelas da música sertaneja. Destaque para a dupla de meninos atores Dablio Moreira (Mirosmar ou Zezé di Camargo na infância) e Marcos Henrique (Emival Camargo ou Camarguinho), além de todo o elenco, sem falar de Lima Duarte e (sua neta) Paloma Duarte.
Confesso que foi uma agradável surpresa. Não esperava que ia gostar tanto. O filme expõe uma parte esquecida do país, diferente do sudeste, do sul e do nordeste. E aborda a transformação da música sertaneja que, ao migrar do campo para a cidade, precisou ficar mais parecida com a música country norte-americana para cair no gosto da nossa emergente e preconceituosa classe média. Longe de ser um panfleto da dupla, vi neste filme um drama típico da história recente do país.
Uma cena inesquecível mostra Francisco e o…

A Queda!

O History Channel exibiu ontem "A Queda" com os subtítulos "As Últimas Horas de Hitler" e "Hitler e o Fim do 3º Reich", filme de 2004 do alemão Oliver Hirschbiegel, que também dirigiu "A Experiência" (Das Experiment, 2004). Apesar de parecer meio monótono e previsível no começo, este é um ótimo filme a ponto de manter qualquer um acordado ao longo de mais de duas horas e meia. E não é à toa que foi indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2005. Ao lado de "A Lista de Schindler" (Schindler's List, 1993, Steven Spielberg) é um dos grandes filmes sobre a IIa Guerra Mundial e o nazismo. Mas a novidade é que neste caso a estória é contada a partir do ponto de vista da secretária do próprio Hitler.
Ao terminar de ver esse filme, veio-me à cabeça uma citação de Voltaire: "Aqueles que conseguem fazer com que você acredite em coisas absurdas podem fazer com que você cometa atrocidades". Ou, para ser fiel à versão ingle…

Orquídeas

Imagem
As minhas orquídeas floresceram e estão muito bonitas e cheirosas. E as suas? Pois é, aderi ao modismo de cultivar orquídeas também. Quer saber o motivo? Bem, diversas espécies estão disponíveis no mercado e a preços acessíveis. E afinal de contas, cuidar de plantas, assim como de animais, lugares e pessoas, é uma atitude muito positiva e benéfica, não acha?
Na Internet há muitos sítios acerca do cultivo de orquídeas, mas achei particularmente interessante o Brazilian Orchids em inglês e português.

Um pouco de ciência

Que me desculpem os criacionistas, mas quero partilhar aqui alguns endereços de sítios muito interessantes sobre Darwin e o DNA:

The Complete Work of Charles Darwin Online - somente em inglês, infelizmente.
DNA From The Beginning - em inglês, mas com tradução em "O DNA vai à escola".

Faça bom proveito.

Missão dada é missão cumprida

Acabei de chegar do cinema muito satisfeito por ter visto "Tropa de Elite" (2007, José Padilha). Foram quase duas horas (118 minutos) que passaram voando. Não deu nem para piscar. Resumo da ópera: o capitão Nascimento do BOPE (Batalhão de Operações Policiais Especiais) tem que garantir que o Papa não corra riscos em sua estada no Rio em 1997. Nascimento (interpretado perfeitamente por Wagner Moura) quer achar alguém para substituí-lo no comando, que por acaso será um dos aspirantes, amigos de infância, Neto (Caio Junqueira) e Matias (André Ramiro). O filme esquenta o debate sobre o tráfico de drogas e a corrupção na polícia. Simplesmente excelente. Não deixe de ver.

A Questão da CPMF

A CPMF foi criada pelo governo FHC, que passou a usar o dinheiro da Saúde para reequilibar suas contas, contrariando seu idealizador, o ministro Adib Jatene, que pediu demissão. Além disso, com o apoio do PSDB, do PFL (hoje "Democratas" ;-)) e do PPS (ex-Partidão), FHC aumentou sua alíquota de 0,20% para 0,38%! E a direita não protestou.
Hoje a direita, depois do fracassado movimento dos cansados, já pensando nas próximas eleições, levanta-se contra a CPMF claramente para prejudicar a performance do segundo mandato do governo Lula na área social.
Conforme a Folha de ontem, o show contra a cobrança da CPMF reuniu só 15 mil. Seus organizadores, a Frente Nacional da Nova Geração (!), liderados pela FIESP e a Associação Comercial de São Paulo, esperavam 2 milhões no vale do Anhangabaú. Conforme o artigo, os artistas que eles contrataram desconhecem completamente a alíquota do "imposto do cheque"...
E hoje, conforme o Estadão, a oposição recusa proposta (do líder do gove…

Campos do Jordão - de novo

Imagem
Dessa vez fui até a base da Pedra do Baú (1950 m) na face sul, a de Campos, para avaliar se daria para escalar ou não. Acabei desafiando o medo e os 370 degraus e ganchos (cerca de 340 m). E valeu a pena. É uma belíssima vista de 360° dos vales e montanhas entre São Paulo e Minas Gerais. O tempo estava nublado, mas tirei esta foto do Bauzinho (1760 m), que fica a apenas 10 minutos de caminhada numa trilha leve. Abaixo o Baú, visto a partir do Bauzinho, aonde fui há algumas semanas atrás, com tempo bom.
Em tempo: dessa vez consegui visitar também o Museu Casa da Xilogravura, que fica no bairro de Jaguaribe. Você sabia que a xilogravura é uma gravura feita por meio de impressão sobre papel (ou outro substrato) de uma matriz entalhada em madeira? Pois é. Muito interessante.

Sacerdote assassino é condenado

Ontem o padre Christian Von Wernich, ex-capelão da polícia da província de Buenos Aires, foi condenado à prisão perpétua por crimes contra humanidade durante a ditadura que fez desaparecer mais de 30.000 pessoas no período 1976-1983. Ele foi considerado culpado por 7 homicídios, 31 casos de tortura e 42 seqüestros, no primeiro julgamento de um padre ligado a uma ditadura na América Latina.
E os padres que apoiaram as ditaduras militares no Brasil e no Chile? Terão seus crimes esquecidos ou também serão julgados?

O Ilusionista

Como "Scoop - O Grande Furo" e "O Grande Truque", "O Ilusionista" (The Illusionist, 2006, Neil Burger) é outro grande filme sobre mágica. Conta a estória de um romance proibido entre um menino pobre (Edward Norton) e uma garota nobre (Jessica Biel). As coisas se complicam quando eles se reencontram muito anos depois, quando ele é um famoso mágico na Viena da virada do século 19, e ela é a noiva do príncipe herdeiro do trono. Romance, drama e suspense com uma pitada de história e política. Excelente. Recomendo.

Stuart Edgar e Zuleika Angel Jones

Acabei de ver em DVD o filme do Sérgio Rezende sobre o drama da famosa estilista (interpretada pela Patrícia Pillar) cujo filho foi assassinado pelos agentes da ditadura militar: Zuzu Angel (2006). Sem comentários. Ou melhor, apenas os do Chico Buarque:

Quem é essa mulher
Que canta sempre esse estribilho
Só queria embalar meu filho
Que mora na escuridão do mar
Quem é essa mulher
Que canta sempre esse lamento
Só queria lembrar o tormento
Que fez o meu filho suspirar
Quem é essa mulher
Que canta sempre o mesmo arranjo
Só queria agasalhar meu anjo
E deixar seu corpo descansar
Quem é essa mulher
Que canta como dobra um sino
Queria cantar por meu menino
Que ele já não pode mais cantar


Clique se quiser saber mais sobre mortos e desaparecidos políticos.

Veja o Pasquim da Oposição

Para saber um pouco a respeito dos negócios nebulosos do Grupo Abril, veja os links abaixo:


Notícias da UMES:
Os negócio nebulosos do grupo Abril
Artigo do Altamiro Borges na NovaE:
Renan e os negócios obscuros da Abril
que também saiu no Correio do Brasil, na revista Fórum e no sítio Adital, entre outros.
Artigo no FNDC-Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação:
Abril & Telefonica: A falta de transparência no setor de comunicações , que saiu antes no Observatório do Direito à Comunicação, e no Observatório da Imprensa.

Dedico tais links aos leitores da Veja (40% de propaganda), imprensa marrom, para que fiquem melhor informados.

A Grande Família - O Filme

Nesse fim de semana vi "A Grande Família - O Filme" (2006, Maurício Farias). Vejo pouco a série, mas adorei o filme. Vi algumas críticas e comentários, mas achei melhor a análise do sítio cinemaCAFRI.com. Embora tenha diversas cenas hilariantes, o filme é sério e aborda a questão da morte em três histórias, que são três formas de Lineu (Marco Nanini) lidar com sua morte em um futuro provavelmente próximo. Bem, não vou entrar em maiores detalhes - os comentários do cinemaCAFRI estão perfeitos. Não é um blockbuster, por isso recomendo para quem gosta de cinema.

Astronomia e Astronáutica

Se estes temas são interessantes para você, veja estes quatro sítios:
Astronomia On-line,
Portal do Astrônomo (ambos em português, de Portugal),
Planetários de São Paulo, e
Space.com (em inglês).

Metrô tem desencontro de túneis

A mídia trouxe ontem esta manchete a respeito da linha 4 do metrô em São Paulo. Conforme a reportagem, tal erro de topografia é incompatível com o atual estágio de engenharia.
Este é o choque de gestão do governo do PSDB em São Paulo?

Carta aberta a um amigo

Roberto,

Tudo bem? E a família? Espero que todos estejam bem.
Alguns comentários:
- O conselho de ética do senado foi favorável à cassação do Renan.
- O senado votou politicamente contra a cassação - não moralmente.
- Políticos do PSDB eram defensores do voto secreto há bem pouco tempo.
- O Renan não foi julgado porque quem julga só pode ser a Justiça; ele deverá ser julgado pela lei e nunca pela mídia.
- Não entendo porque tanto barulho a respeito.
- Não é novidade que no Congresso há centenas de picaretas, assim como em nossa sociedade. Aliás os deputados e senadores são gente como a gente e escolhidos por nós mesmos.
- A solução não é atacar o Congresso, mas sim melhorar nosso voto.
- Quem não conhece o passado recente do país vai acabar trocando gato por lebre. Veja o caso dos "democratas" - que democratas são estes que apoiaram a quartelada de 1964? Sempre foram chapa branca e só agora pela primeira vez na história estão de fora do centro do poder; e loucos para voltar!
- Que ét…

Renan - porque tanto barulho?

O Senado não julgou o Renan Calheiros. Quem julga é a Justiça. O Senado tomou uma decisão política a respeito de um processo de cassação. Alguns amigos, telespectadores da Globo e leitores da Veja e do Estadão, têm me enviado spam político-eleitoral e daí resolvi dar minha opinião sobre o caso do Renan. Só não entendo porque tanto barulho. Ou será que entendo? Vamos ver. Depois continuo. Antes quero dar uma olhada no Observatório da Imprensa e na Carta Maior.

Golpe em Marcha

Alguém poderá dizer que exagerei quando demonstrei preocupação com eventual golpe em gestação. Veja, ou melhor, leia: o episódio das cansadinhas Hebe Camargo, Ana Maria Braga, Ivete Sangalo e Regina Duarte foi apenas um balão de ensaio. A grande mídia e os "liberais" não se conformam com a derrota eleitoral. Perder para o povo é algo que ainda continua engasgado em suas ricas gargantas. O Paulo Henrique Amorim tem um completo levantamento da campanha partidária da nossa gloriosa mídia em seu sítio Conversa Afiada - O Golpe em Marcha. Lembre-se que, conforme Helvécio Ratton em "Batismo de Sangue" (2006), um povo que não conhece seu passado não compreende seu presente e é incapaz de projetar seu futuro.
Então, sempre alerta!

Placas do Brasil

Hoje vi na TV Uniban um programa interessante sobre placas engraçadas que a gente vê quando viaja pelo Brasil afora. Daí achei legal partilhar a novidade com os amigos. Claro, sem fazer uso de spam. Veja o siteBrasil das Placas - é só clicar neste link.

Domingo no Parque

Imagem
Hoje fui à Pedra Grande no Parque Estadual da Cantareira. É pertinho, fica a apenas 6 km da estação Santana do Metrô. São 3 km de caminhada, cerca de 1 hora. Se tiver sorte, ou conforme o horário, podem ser vistos bugios, quatis, serelepes e diversos pássaros. Fica a 500 metros da entrada do Horto Florestal, abre em fins de semana e feriados, e a entrada custa apenas R$ 2,00. Tem algumas trilhas, mas a visão da cidade a partir da pedra (1010 m) é a principal atração. Veja mais detalhes no site.

Piauí é Brasil

Paulo Zottolo, o "cansado" presidente da Phillips do Brasil, afirmou em entrevista ao jornal Valor Econômico que "não se pode pensar que o país é um Piauí, no sentido de que tanto faz quanto tanto fez. Se o Piauí deixar de existir ninguém vai ficar chateado".
Em Teresina, estudantes quebraram produtos da Phillips cantando o hino do Piauí e mostrando a bandeira do estado.
Em Porto Alegre, alguns manifestantes "cansados" tornaram a lembrança da tragédia do vôo 3054 da TAM em um ato político cantando o hino do Rio Grande do Sul e mostrando a bandeira do estado.
Talvez seja interessante pesquisar na Internet sobre a gênese do nazismo e do fascismo. Será que estamos em fase pré-nazifascista? As circunstâncias históricas seriam semelhantes ao que vemos hoje?
Não lembro do hino do meu estado e raramente vejo a bandeira paulista. Embora tenha tido aulas de "Educação Moral e Cívica" no ginásio, não sei dizer se lembro de cor toda a letra do hino nacional. …

Ovo da Serpente

Companheirada, vigiai! porque não sabeis quando chegará o tempo, quando virá o ... golpe que está em gestação. "Essa gente" que sempre foi chapa branca está cansada de ficar fora do centro do poder. Estão fazendo de tudo, mas de tudo mesmo, para voltar. Mudaram até o nome para "democratas"!
Que coisa feia! O Farol de Alexandria disse que a parada de 7 de setembro é uma palhaçada ... veja no site do Paulo Henrique Amorim.
Aliás, palhaçada mesmo é a campanha do Estadão contra os blogs. Há blogs ruins, mas também há blogs bons e úteis, assim como jornais e revistas. Se tem blog copiando e colando textos de jornais, não é novidade alguma que os jornais fazem o mesmo há muito tempo com as agências de notícias, como a Reuters por exemplo. Uma coisa é fato. Outra é opinião. Antigamente, por ser o maior, o Estadão era bastante noticioso, mas seu editorial e suas seções de opinião sempre foram horríveis. Se o sujeito lê o Estadão e a Veja, acha que está bem informado…

Momento de reflexão

Sou contra o movimento dos ricos paulistanos que estão aproveitando o acidente da TAM para fazer política, conforme o tocansadinho.blogspot.com/. E defendo o Jô Soares, reproduzindo a seguir o trecho de seu programa, que está sendo atacado por blogs de reacionários:

Em tempo: o vídeo foi retirado!

Embora desde cedo eu tenha me interessado pela história recente do país e daí me engajado nas campanhas pela democracia, nunca fiz proselitismo. Dei opinião e ponto de vista sempre que solicitado. Com exceção de alguma panfletagem nos tempos de estudante , algumas passeatas contra a ditadura, e o trabalho de formiguinha em associação de moradores de periferia, nunca bati de porta em porta para dar opinião não solicitada. Aprendi, não sem dificuldades, que o confronto deve ser evitado. Vi muitos debates terminarem em ressentimentos. Confesso que as vezes me sinto desconfortável quando um familiar, um parente, um amigo, um colega ou qualquer pessoa com quem eu me importe vem querer me conve…

A ponte caiu. Deve ser culpa do governo.

A ponte desabou em Minneapolis. Será culpa da gestão do governo Bush? A estação Pinheiros da futura linha 4-amarela do metrô desabou em janeiro. Será culpa da gestão tucana em São Paulo? Ou será que os dois desabamentos serão culpa do Lula também? Pela lógica de antigos integralistas travestidos de democratas, deve ser.
Fiquei chocado com o acidente do vôo 3054 da TAM e achei melhor não comentar nada e nem apontar nenhum culpado de forma precipitada. Já basta o sofrimento dos familiares das vítimas do acidente. Mas os inconformados com derrotas eleitorais insistem em fazer uso político do acontecimento. É lamentável.
Não ia comentar sobre o acidente, mas em função de spam político-partidário que tenho recebido acho que devo dar minha opinião. A essa altura acredito que o acidente tenha acontecido devido a três fatores: falha no equipamento (computador etc, o que o fabricante do avião está negando), falha na manutenção do avião (que a empresa aérea nega) e falha no treinamento d…

Cartas de Iwo Jima

Depois de obras-primas como "Os Imperdoáveis" (Unforgiven, 1992), "Sobre Meninos e Lobos" (Mystic River, 2003) e "Menina de Ouro" (Million Dollar Baby, 2004), Clint Eastwood dirigiu (simultâneamente!) em 2006 dois filmes com visões contrárias sobre a Batalha de Iwo Jima, que ocorreu em 1945, na Segunda Guerra Mundial, entre Estados Unidos e Japão. Os filmes são respectivamente: "A Conquista da Honra" (Flags of Our Fathers), sob o ponto de vista americano, e "Cartas de Iwo Jima" (Letters from Iwo Jima), sob o ponto de vista japonês. Ambos foram produzidos pelo próprio Eastwood junto com Steven Spielberg e Robert Lorenz. "Cartas de Iwo Jima" é considerado o melhor e foi o que vi semana passada. Vou ver o outro também para conferir. De qualquer forma, Eastwood é ótimo diretor, produtor, ator e até mesmo escritor e compositor.

Por falar em cinema, esta semana nós perdemos dois diretores geniais: Ingmar Bergman e Michelangelo A…

Que bom, amigo

Imagem
Amigo é coisa para se guardar debaixo de sete chaves, dentro do coração. Assim falava a canção que na América ouvi, mas quem cantava chorou ao ver o seu amigo partir. Mas quem ficou, no pensamento voou, o seu canto que o outro lembrou. E quem voou no pensamento ficou, uma lembrança que o outro cantou. Amigo é coisa para se guardar no lado esquerdo do peito, mesmo que o tempo e a distância digam não, mesmo esquecendo a canção. O que importa é ouvir a voz que vem do coração. Seja o que vier, venha o que vier. Qualquer dia amigo eu volto pra te encontrar. Qualquer dia amigo, a gente vai se encontrar.

Serra da Canastra

Imagem
Esta semana estive em São Roque de Minas (no Circuito da Canastra), cidadezinha que é o principal acesso à parte alta do Parque Nacional da Serra da Canastra, onde estão a nascente do rio São Francisco e a cachoeira Casca D'Anta (parte de cima). É um paraíso a cerca de 550 km de São Paulo se você for pelas rodovias Anhanguera ou Bandeirantes até Campinas, e de lá para Passos-MG (no Circuito Nascentes das Gerais) via Mogi-Guaçu e Mococa. No caminho a gente passa pelo Lago de Furnas, chamado de "o mar de Minas". Vale a pena visitar a central elétrica e a represa com seus diversos cânions, cachoeiras, lagos e praias artificiais.
No Parque é possível ver diversos animais, como o gavião carcará, o tucano, a seriema, a ema, o tamanduá-bandeira e o lobo-guará, entre outros. É muito interessante também conhecer a nascente do Velho Chico, o rio da integração nacional.

Gonçalves

Imagem
Gonçalves e Passa Vinte são duas cidadezinhas mineiras que disputam o título de "pérola da Mantiqueira". Conheci Gonçalves nesse feriado. Ela fica a cerca de 180 km de São Paulo, pela Fernão Dias, via Cambuí-MG. Ou 240 km, pela Ayrton Senna-Carvalho Pinto-Floriano Peixoto, via Santo Antônio do Pinhal-SP. Essa é uma das fotos que tirei hoje em Gonçalves, da Cachoeira do Retiro, também conhecida por Sete Quedas.
Gonçalves forma com Monte Verde-MG e Campos do Jordão-SP um triângulo serrano com muitas trilhas, florestas de araucárias, cachoeiras, penhascos e mirantes, como a belíssima Pedra do Baú, em São Bento do Sapucaí-SP.
Dica: se você for a Gonçalves e não ficar hospedado na pousada "O Montanhês", não deixe de ir até lá para provar a truta que eles preparam e apreciar a bela vista das montanhas do sul de Minas.

Voltei pra ela

Imagem
É verdade. A gente nem se via direito ultimamente. Era cada um pro seu lado. Pra falar a verdade, faz tempo que ela não entra em casa. Nossa relação não estava boa. Houve uns tempos em que eu andei com uma moto, inclusive. E minha byke ficava largada, de pneus murchos, com teia de aranha até. Pra falar a verdade, eu nem olhava pra ela. Nem amarrada ela ficava mais. Parecia até que eu queria subconscientemente que alguém a levasse. Mas um relacionamento de 14 anos não acaba assim, sem mais nem menos. Domingo a gente ficou junto. E percebi que nunca deveria ter deixado de andar com ela. Voltamos. Espero que agora seja definitivo. Nem que seja apenas uma vez por semana eu vou andar com ela. Afinal, ninguém é de ferro. Eu, não. Ela é. Essa é a minha byke.

O Grande Truque

"O Grande Truque" (The Prestige, 2006) é o último filme do inglês Christopher Nolan. É um excelente suspense sobre dois mágicos que se tornam rivais. Quando Alfred (Christian Bale) apresenta seu último truque, Robert (Hugh Jackman) tenta desesperadamente descobrir seu segredo. É mais um filme sobre culpa, obsessão e vingança, quase uma marca registrada de Nolan. Assim foi com "Batman Begins" (2005), Insônia (Insomnia, 2002) e o formidável "Amnésia" (Memento, 2000). Quando a gente começa a conhecer um diretor, um autor, um compositor, um artista, a gente começa a perceber a ligação entre suas obras, e que estas não são isoladas, mas fazem parte de um processo de criação que vai se manisfestando e se aprimorando. Cinema não é apenas sofá e pipoca, diversão passageira. É cultura. E reflexão. Christopher Nolan - anote esse nome.

Quanto Vale ou É por Quilo?

Este é o título do terceiro filme do Sérgio Bianchi, de 2005. Subtítulo: "Mais valem pobres na mão do que pobres roubando". É um drama inspirado no conto "Pai Contra Mãe" do Machado de Assis e nas crônicas de Nireu Cavalcanti. Aliás o primeiro filme dele, "A Causa Secreta" (1994), também é uma adaptação da obra de mesmo nome do excelente Machado de Assis. E as duas obras citadas podem ser encontradas no portal Domínio Público.
Conforme o texto na contracapa do DVD, Bianchi mostra como as ONGs exploram a miséria, preenchendo a ausência do Estado em atividades assistenciais, fontes de muito lucro. "O que vale é ter liberdade para consumir, essa é a verdadeira funcionalidade da democracia". Esta é umas frases marcantes desse filme imperdível, que compara a época da escravidão com os tempos de hoje no Brasil.
Ainda não vi seu segundo (e possivelmente o melhor) filme, "Cronicamente Inviável" (2000), mas agora é minha prioridade - será…

Pico do Selado

Imagem
Dessa vez consegui "escalar" o Pico do Selado, que é o ponto mais alto da região de Monte Verde-MG e Joanópolis-SP, com uma altitude de 2083 metros. São necessárias de uma hora e meia a duas horas e meia (ou mais) só para subir, dependendo das condições físicas da pessoa. A trilha é razoável, mas dá para se perder. Aconselha-se levar lanche, água, agasalho, e lanterna. É programa para praticamente um dia inteiro. E vale a pena. A vista panorâmica é fantástica. Monte Verde é um programa bom para esta época de Dia dos Namorados, Dia de Santo Antônio...sem falar do friozinho, dos chalés com lareira, das trutas, trufas, chocolates, fondues etc. E Monte Verde fica só a 150 km de São Paulo. Ou umas duas horas, com a Fernão Dias em dia normal. Opção de fim de semana. Recomendo.

Três filmes para comentar

"Sob o Signo de Capricórnio" (Under Capricorn, 1949) é um filme considerado menor do mestre Hitchcock. Mas eu tinha que vê-lo, de qualquer forma. E gostei. Principalmente da atuação da belíssima Ingrid Bergman. Durante as filmagens ela brigou com o mestre mas, devido a seu profissionalismo, ela teve uma atuação perfeita. Este foi o último filme dela com o mestre, depois de ter atuado nos excelentes "Interlúdio" (Notorius, 1946) e "Quando Fala o Coração" (Spellbound, 1945). Ela também foi maravilhosa em "Casablanca" (1945, Michael Curtiz), "Sonata de Outono" (Höstsonaten, 1978, Ingmar Bergman) e nos seis filmes que fez com o brilhante Roberto Rossellini, um dos mais importantes diretores do neo-realismo italiano. Aliás, com ele a Ingrid teve três filhos. Entre eles a sua cópia, Isabella Rossellini, de "Veludo Azul" (Blue Velvet, 1986, David Lynch). Você reparou que comentei mais sobre a Ingrid do que sobre o filme? S…

Chávez e a Imprensa

Chávez disse ontem que o Congresso brasileiro, subordinado ao Congresso de Washington, repete como papagaio o que dizem lá. Ele se referia a um documento emitido pelo nosso Congresso convidando o governante venezuelano a modificar sua posição frente ao canal privado Radio Caracas Televisión (RCTV). Ele disse também que há direitistas em nosso Congresso! Será? ;-)
O nosso Congresso não é nenhum convento de freiras. Tem lá suas mazelas. Mas a generalização chavista é irresponsável. Claro que o nosso Congresso deveria cuidar de nossos assuntos, em vez de se meter na questão venezuelana. Como deu a entender o nosso presidente, cada macaco no seu galho. É normal que uma parcela de nosso Congresso represente a direita. Democracia é assim mesmo. Mas não se pode atacar o todo por causa de uma de suas partes. Acho que teria sido melhor que Chávez simplesmente ignorasse seus opositores de todo o mundo. Mesmo tendo razão em alguns aspectos, ele a perde com seu destempero verbal.
Chávez…

Bento, o nazista

"Bento bendito que vem
em nome do Senhor
Bem-vindo! Bem-vindo!
Nosso povo te acolhe com amor"
Foi bonita a festa da visita do Papa ao Brasil. Está sendo, ainda. Mas qual é o seu significado?
A América Latina concentra a maior parte dos católicos do mundo. E merece um Papa da região, alguém que conhecesse melhor seus problemas e desafios. Este Papa é contra a Teologia da Libertação, a ordenação de mulheres, as pesquisas com células-tronco, o aborto, a eutanásia, o uso da camisinha, o sexo fora do casamento, o divórcio, o casamento entre pessoas do mesmo sexo. Esteve por muitos anos à frente da Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé - este é o nome atual do Tribunal da Santa Inquisição. Quando jovem pertenceu à Juventude Hitlerista e à infantaria do Exército Nazista Alemão. Ao mesmo tempo em que não repudiou enfaticamente os crimes de pedofilia na Igreja americana, colocou os muçulmanos em pé de guerra ao declarar as palavras de um imperador bizantino, segundo o qual o Is…

Ciência em Dose Dupla

TecnoramaEm Águas de Lindóia, não deixe de conhecer o Tecnorama, que é um parque científico onde se vê diversos (mais de 200) experimentos relacionados à Física. É interessante e divertido ver muitos aspectos práticos de Ótica, Mecânica, Hidrodinâmica, Eletricidade, Magnetismo etc. De fato é turismo e lazer educativo. Recomendo.
Exposição "Darwin - Descubra o homem e a revolucionária teoria que mudou o mundo"Está ótima a exposição no MASP sobre a vida e a obra do naturalista Charles Darwin (1809-1882). Em um dos painéis pode-se ler claramento sua afirmação de que nenhum ser vivo é superior a outro, e conforme sua teoria a evolução (que ele chamava de transmutação) das espécies é resultado de variação, herança, adaptação, seleção e tempo. Fica claro que Darwin não tinha a intenção de aplicar sua teoria à sociologia, aplicação que alguns vieram a chamar de darwinismo social (que eu chamo de nazifascismo). E, sem dúvida, fica claro também que sua teoria é um rompimento com …

A Lua e as Estrelas

A HBO acabou de exibir o filme "A Lua e as Estrelas" (The Moon and the Stars, John Irvin, 2007) e vai repetí-lo outras vezes, inclusive dia 19, sábado. Foi por acaso que o vi, e foi uma boa surpresa. Conforme o site da HBO, em 1939 Roma vive os difíceis tempos do fascismo. Apesar de toda tensão política, o produtor Davide Reiti (Alfred Molina, o Doc Ock de "Homem-Aranha II") decide rodar um filme com uma grande equipe. E juntos eles arriscam suas vidas para terminar o filme. Destaque para o romance entre a atriz alemã Kristina Baumgarten (Catherine McCormack) e o ator inglês James Clavel (Jonathan Pryce - não confundir com Vincent Price). Os primeiros vinte minutos são para espantar quem só curte blockbusters. Belo filme.

O Santos é o novo campeão

Agora quem dá bola é o Santos
O Santos é o novo campeão
Glorioso alvinegro praiano
Campeão absoluto desse ano

Santos, Santos sempre Santos
Dentro ou fora do alçapão
Jogue onde jogar
És o leão do mar
Salve o novo campeão

O meu Santos surpreendeu as outras torcidas e sagrou-se campeão paulista de 2007, com toda justiça - que campeonato! O São Caetano caiu de pé e valorizou muito o nosso bicampeonato. Já me perguntaram se valia a pena sofrer tanto durante essas decisões. Vale. Porque as vitórias compensam as derrotas. Quem não torce não fica triste com as derrotas. Mas também não tem oportunidade de desfrutar das vitórias. Agüenta, coração!

Ora, pois, se não é 25 de Abril, ó pá

Foi bonita a festa, pá
Fiquei contente
E inda guardo, renitente
Um velho cravo para mim

Já murcharam tua festa, pá
Mas certamente
Esqueceram uma semente
Nalgum canto do jardim

Sei que há léguas a nos separar
Tanto mar, tanto mar
Sei também quanto é preciso, pá
Navegar, navegar

Canta a primavera, pá
Cá estou carente
Manda novamente
Algum cheirinho de alecrim

Roda Viva

O programa "Roda Viva", que a TV Cultura exibe toda segunda-feira às 22h30, está em plena forma, apresentado pelo jornalista Paulo Markun. Ontem o entrevistado foi o também jornalista Franklin Martins, hoje ministro da Comunicação Social. Ambos constam em uma lista chamada de "os lulistas da imprensa" que foi publicada na imprensa marrom (leia-se aqui Veja, a revista metade propaganda) por aquele parajornalista dedo-duro - você sabe quem, não? Fosse eu jornalista, teria orgulho se tivesse meu nome nela incluído. A meu ver, só tem gente boa e que arregaçou de fato as mangas para ajudar a construir a democracia que temos hoje após literalmente tanto sangue, suor e lágrimas. Nada a ver com alguns oportunistas vendidos que chegaram agora para desfrutar desta liberdade. Esses perderam o bonde da história. E, conforme um antigo ditado árabe, os cães latem e a caravana passa. A propósito, peço emprestado as tantas palavras do Chico Buarque para "essa gente"…

Filmes que vi neste fim de semana

Sábado à noite na HBO:

"A Luta pela Esperança" (Cinderella Man, 2005, Ron Howard), como está em seu subtítulo, é a extraordinária luta de um homem para salvar a família, estória de James Braddock (Russell Crowe), um boxeador supostamente acabado que voltou a ser campeão, herói e inspiração para os americanos na Era da Depressão (anos 30). É o melhor filme do Ron Howard, que dirigiu também "Uma Mente Brilhante" (A Beautiful Mind, 2001), "Apollo 13 - Do Desastre ao Triunfo" (Apollo 13, 1995), "Willow - Na Terra da Magia" (Willow, 1988), "O Tiro Que Não Saiu pela Culatra" (Parenthood, 1989), "O Código Da Vinci" (The Da Vinci Code, 2006) e "Cocoon" (1985), lembra?

Hoje no DVD:

"Tess - Uma Lição de Vida" (Tess, 1979), um belo filme do Polanski sobre uma jovem camponesa (Nastassja Kinski, a belíssima atriz alemã, filha do Klaus Kinski) que vive um drama triste e sem final feliz na Inglaterra do século 19. Bela fo…

Dois filmes diferentes

Sexta e sábado vi dois filmes bem diferentes e interessantes. A seguir, meus comentários:

"Ararat" (2002, Atom Egoyan) expõe o genocídio armênio, também conhecido por holocausto e massacre armênio, promovido pelos turcos otomanos de 1915 a 1917 e até hoje não reconhecido oficialmente pela Turquia. O nome do filme se refere ao Monte Ararate que, embora fique na Turquia, é o símbolo da Armênia e também é conhecido por ser supostamente o local onde a Arca de Noé teria tocado terra firme após o Dilúvio. O filme poderia frisar mais a parte histórica, mas se preferiu colocar os acontecimentos históricos como pano de fundo para um drama atual. É a Mostra Internacional de Cinema da TV Cultura, que continua ótima.
"Casino Royale" (2006, Martin Campbell) é o melhor 007 feito até hoje. Diferente de todos os outros, este filme é mais realista e mostra o James Bond que comete erros, que se envolve mais com as pessoas e a missão, que não é aquela espécie de super-homem, mas é…

Circuito das Águas, de novo

Imagem
Essa foto é da "Disneilândia dos Robôs", atração turística de Serra Negra. É o "mundo encantado dos robôs em movimento" para crianças "de 8 a 80 anos", com vários robôs mecanizados feitos de sucata em diversos tamanhos. Simples e criativo. Leve as crianças.
Se você for a Serra Negra, anote uma dica gastronômica, além do Restaurante Sr. Bacalhau, que comentei outro dia:
Taco-Taco: pizzaria em que os garçons oferecem embalagens de pizza para a garotada desenhar, pintar e deixar mensagens com os lápis de cera disponíveis em todas as mesas. Essas obras de arte acabam forrando todas as paredes, compondo uma decoração bastante curiosa. E há verdadeiras obras de arte, sim, que não devem ter sido desenhadas e pintadas por crianças. E o que interessa: é a melhor pizza da cidade. Vale a pena conhecer.
Se você já viu tudo em Serra Negra, dê um pulo a Jaguariúna, a uns 40 km passando por Amparo e Pedreira.
A foto abaixo é da Maria Fumaça na Estação Tanquinho, que…

Filmes recentes

Pra não dizer que não falei dos filmes recentes, já faz cerca de um mês que estou pra falar de dois filmes que estreiaram em outubro e novembro últimos. O primeiro, uma decepção. O segundo, uma boa surpresa. Veja o que achei:

"Dália Negra" (The Black Dahlia, 2006, Brian De Palma), roteiro fraco de Josh Friedman, adaptado do romance mais fraco de James Ellroy (que escreveu o belo L.A. Confidential, "Los Angeles, Cidade Proibida"), com bela fotografia, é um filme até bonito, mas deixou muito a desejar a nós, fãs do Brian De Palma. Para variar, ele nos fez lembrar do mestre do suspense. As cenas do assassinato na escadaria me fizeram lembrar do "Vestida para Matar" (Dressed to Kill, 1980). Se você não viu, só veja se for fã do Brian De Palma.
"Os Infiltrados" (The Departed, 2006, Martin Scorsese) é um suspense bem superior, em que o mafioso infiltrado na polícia, Billy Costigan (Leonardo DiCaprio), e o policial infiltrado na máfia, Colin Sull…

Rebelião

Hoje eu fiquei frustrado. Olhei na Folha. Olhei no Estado. Não achei sequer uma linha. A quartelada de 1964 está fazendo aniversário e ninguém escreveu nada! Nem o site do Exército traz alguma nota a respeito! Aliás, o Exército está subordinado a um homem de esquerda, o Valdir Pires, que deve ser substituído pelo comunista Aldo Rebelo! O que está acontecendo? Será que aquele parajornalista* da Veja (imprensa marrom) vai rabiscar alguma coisa sobre o assunto?
O folhetim do Estado, o Jornal da Tarde, traz: "A maior rebelião militar na Aeronáutica desde 63", sobre o motim dos controladores de vôo. E tudo bem? Como diria o Jô Soares no "Viva o Gordo, Abaixo o Regime", me tira o tubo. ;-)
E não é que agora a turma do PFL virou Democratas?! É brincadeira? Pior que não.
Bom, deixa eu ir. Vou me consultar com meu guru político, que estou precisando.


*melhor não falar o nome do sujeito, porque é isso que ele quer.

Esperando o Messias

Sexta a TV Cultura apresentou "Esperando o Messias" (Esperando al Mesias, 2000, Daniel Burman) na Mostra Internacional de Cinema. É o melhor filme escrito e dirigido pelo argentino Burman, que também produziu "Garage Olimpo" (1999, Marco Bechis) e "Diarios de Motocicleta" (2004, Walter Salles). É um filme interessante, com altos e baixos, sobre o jovem Ariel (Daniel Hendler), portenho e judeu, que conhece o bancário desempregado Santamaría (Enrique Piñeyro) e a lésbica produtora de TV Laura (Chiara Caselli, atriz italiana que trabalhou com os irmãos Taviani em Fiorile, 1993). Embora superestimado, este filme tem uma perspectiva naturalista à la Altman. Também só para iniciados.

Assassinato!

"Assassinato" (Murder!, 1930) é um filme do Hitchcock ainda em sua fase inglesa, antes de se mudar para os Estados Unidos. Resumo: a polícia encontra uma atriz morta ao lado de sua colega, que parece meio dopada. Todas as provas circunstanciais apontam para a moça, que chega a ser condenada. No entanto, um membro do júri suspeita do namorado dela. Bom, deixemos o suspense então. Este é um dos primeiros filmes falados do mestre. Só para iniciados, portanto. Se o seu perfil for algo mais próximo de "Velozes e Furiosos", passe longe desses antigos filmes do mestre.

Capitães de Abril

Às vezes a TV aberta me surpreende. Ontem por acaso descobri a Mostra Internacional de Cinema na Cultura, que passou "Capitães de Abril", dirigido pela Maria de Medeiros em 2000. É uma ficção sobre o movimento de 25 de Abril de 1974 que ficou conhecido como a Revolução dos Cravos e derrubou o regime fascista de 48 anos em Portugal. Há momentos em que a única solução é desobedecer. Esse é seu subtítulo. Fantástico - para quem gosta de Cinema e de História.
Que bom que a TV Cultura continua excelente, principalmente às sextas, 22h40! Pena que muita gente prefira ver certos programas (dos quais me recuso a citar os nomes) na Globo...

Lula desce do muro, para o lado de Bush

Sábado passado este foi o título da coluna do Clovis Rossi na Folha de S.Paulo. A primeira idéia que me ocorreu ao lê-lo foi que tivemos algo positivo: alguém desceu do muro. Sim, porque no partido da Folha ninguém é muito afeito a descer dos muros. Outro ponto positivo, nem que seja apenas para aqueles que gostariam de um terceiro turno, é que o presidente fez a opção certa, aparentemente. Entre descer para o lado de Bush ou para o lado de Chávez, tenho certeza de que a classe média e os plutocratas fariam a mesma opção do presidente. Então "essa gente" fica sem munição, a não ser spams preconceituosos como os que recebo de vez em quando e que destacam a falta de escolaridade do presidente, por exemplo. Aliás, alguns desses e-mails revelam bem o nível cultural de quem os escreve e propaga.
Dizem que cada povo merece o governo que tem. Faz sentido. O presidente e a família dele provavelmente representam o brasileiro típico, médio, aquele que se encontra nas ruas, luga…

Carnaval na montanha

Imagem
Pensei em ir para Cananéia neste último feriadão de Carnaval. Ainda bem que mudei de idéia e fui para o circuito paulista das águas. Enquanto me dirigia tranqüilamente para Jundiaí pela Anhanguera, ouvia no rádio notícias sobre o enorme congestionamento na Régis (BR-116). Acho que fiz a escolha certa. E este é literalmente o caminho da roça: Anhanguera até Jundiaí; entrar à direita rumo a Itatiba e Morungaba. Pode ser também pela Fernão Dias, com duas alternativas: saindo pela D. Pedro em direção a Amparo, ou por Bragança em direção a Socorro. A seguir as cidades que valem a pena ser visitadas:

Pedreira - paraíso das porcelanas, louças, cerâmicas e faianças, pertinho de Jaguariúna, que tem passeio de maria-fumaça.
Amparo - centro histórico, arquitetura, fazendas, parques, trilhas.
Monte Alegre do Sul - excelentes cachaças em mais de 80 alambiques artesanais, principalmente na estrada para Pinhalzinho.
Serra Negra - mais movimentada das estâncias hidrominerais, com malhas e artigos d…

Programa de Domingo

Que tal ir à missa, depois almoçar e à tarde ver um filme? Pois foi exatamente isto que fiz hoje. Olhe o roteiro:

10 horas
Missa com canto gregoriano e órgão no Mosteiro de São Bento de São Paulo , no Largo de São Bento, centro, ao lado do metrô. Saí querendo ouvir meu LP de 1982 da "Missa dos Quilombos", composta por Milton Nascimento em parceria com o arcebispo Dom Pedro Casaldáliga e o poeta Pedro Tierra. Magnífico, mesmo para quem não é católico.
meio-dia
Almoço na cantina italiana Famiglia Mancini, na rua Avanhandava, 34, centro, sem comentários. Para captar o clima, além do link acima, veja e ouça Gino Paoli:


14 horas
Filme "O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias" (2006, Cao Hamburger) no Espaço Unibanco de Cinema (r. Augusta 1470), o melhor do júri popular da última Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, drama de um garoto cujos pais partem para a clandestinidade afirmando que voltariam durante a Copa do Mundo de 1970. Clique no link para maiores deta…

A Corrente do Bem

Tanta gente aconselhou que resolvi ver "A Corrente do Bem" (Pay It Forward, 2000, Mimi Leder). Bem, o filme não é extraordinário. É até meio piegas, mas vale a pena, principalmente pelas atuações do Kevin Spacey - o professor Simonet de Estudos Sociais, da Helen Hunt - Arlene, a moça simples que tem dois empregos e um problema com a bebida, e do Haley Joel Osment - Trevor, o garoto que tenta colocar em prática uma idéia para melhorar o mundo. Osment esteve melhor em "O Sexto Sentido" (The Sixth Sense, 1999, M.Night Shyamalan) e em "Inteligência Artificial"' (Artificial Intelligence: AI, 2001, Steven Spielberg) . Spacey está longe do que foi em "Os Suspeitos" (The Usual Suspects, 1995, Bryan Singer), "Seven" (Se7en, 1995, David Fincher), "Los Angeles: Cidade Proibida" (L.A. Confidential, 1997, Curtis Hanson) e "Beleza Americana" (American Beauty, 1999, Sam Mendes). E a Helen Hunt não está tão magnífica com…

Chinatown

Gosto de rever velhos clássicos do cinema. Ontem foi a vez de "Chinatown" (1974), o melhor filme do Polanski. É um filme de suspense, mistério, crime, ... classificado como "neo noir". Aliás, tem no elenco um dos mestres diretores do film noir, John Huston, que interpreta Noah Cross, o todo-poderoso pai da "femme fatale" Evelyn (Faye Dunaway). Falando em diretor, o próprio Polanski faz uma ponta como um "capanga" que, com uma faca, corta o nariz do detetive particular Gittes (Jack Nicholson) . O final tem um toque próprio do Polanski, fugindo do roteiro de Robert Towne e do objetivo do produtor Robert Evans, que queria um final feliz. Resumindo: é um filme indispensável em qualquer coleção e sem dúvida um dos melhores de todos os tempos. Ah, ia esquecendo: preste atenção na música fantástica do Jerry Goldsmith - que também compôs a trilha sonora de "Alien, o 8º Passageiro" (Alien, 1979, Ridley Scott) e "Los Angeles: Cidade Proibid…

Governo dos EUA sabia de tortura no Brasil

O caderno Brasil da Folha de hoje traz uma matéria com o título acima, informando que o embaixador americano em Brasília do período Nixon (1969-1974), John Hugh Crimmins, detalhou violações dos direitos humanos, mas sua prioridade eram os ganhos na venda de equipamento militar ao Brasil. Documentos secretos da diplomacia americana revelados após 32 anos mostram que o governo Nixon sabia da tortura no Brasil, mas não tornou público este fato e nem cortou os créditos financeiros ao Brasil como forma de retaliação, o que seria esperado dos "defensores da democracia e da liberdade no mundo". O mais importante naquele momento era prover equipamento, treinamento e doutrina para as Forças Armadas do Brasil. Bem entendido.
Outro artigo informa que os mortos pelo regime militar somam 376. Para saber mais:

Mortos e Desaparecidos Políticos
Direitos e Desejos Humanos no Ciberespaço
Grupo Tortura Nunca Mais - RJ
Movimento Tortura Nunca Mais - PE
Rede Social de Justiça e Direitos Humanos
Jor…

Sob o Sol da Toscana

Outro filme de 2003, "Sob o Sol da Toscana" (Under the Tuscan Sun), adaptado e dirigido pela Audrey Wells, é uma comédia romântica estilo "água com açúcar", mas que vale ser vista. A crítica e escritora americana Frances (Diane Lane) resolve mudar de país, comprar e reconstruir uma casa velha numa cidedezinha da Toscana. No fundo, ela está mudando e reconstruindo sua própria vida, depois de um inesperado divórcio. Audrey tempera bem humor e emoção, mostrando a simplicidade e a beleza do interior da Itália, florida e ensolarada. E foi feliz nas citações ao mestre Federico Fellini, principalmente "A Doce Vida" (La Dolce Vita, 1960) e "Noites de Cabíria" (Le Notti di Cabiria, 1957). Para ver com alguém que você goste muito.

Adeus Lênin!

"Adeus Lênin!" (Good Bye Lenin!, 2003, Wolfgang Becker) é uma grata surpresa do cinema alemão. Foi o filme mais visto na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, com diversas indicações e prêmios. Basicamente é a estória da dedicação de um filho a uma mãe. Christiane Kerner (Kathrin Sass) era militante devotada ao socialismo da antiga República Democrática Alemã, mas de repente sofre um enfarto e fica em coma durante meses. Nesse período, cai o Muro de Berlim e a Alemanha é reunificada. Ao voltar do coma, com receio de que ela não suporte a todas aquelas mudanças, seu filho Alex (Daniel Brühl) faz de tudo para esconder dela a nova situação do país. É um drama familiar e ao mesmo tempo uma comédia inteligente, tendo como pano de fundo a história recente da Alemanha. É um filme simples, do estilo "uma câmera na mão e uma idéia na cabeça", que faz rir, chorar e pensar. E pensar bastante. Excelente cinema.

Pearl Harbor

Ontem vi "A um Passo da Eternidade" (From Here to Eternity, 1953, Fred Zinnemann), filme muito melhor do que o caríssimo "Pearl Harbor" (Pearl Harbor, 2001, Michael Bay), sobre o ataque japonês a Pearl Harbor em 7 de dezembro de 1941. Não enfoca propriamente o ataque, já que se trata mais de um drama romântico do que um filme de guerra. Talvez o melhor filme de guerra sobre esse ataque seja o "Tora! Tora! Tora!" (Tora! Tora! Tora!, 1970, Kinji Fukasaku e Richard Fleischer). O destaque de "A um Passo da Eternidade" é seu elenco: Burt Lancaster, Deborah Kerr, Montgomery Clift (o padre Logan de I Confess, 1953, Hitchcock), Donna Reed, Frank Sinatra (considerado o maior cantor do século 20), Ernest Borgnine, Jack Warden e George Reeves, o Clark Kent do seriado de TV "As Aventuras do Super-Homem" (Adventures of Superman, 1952-1958, Thomas Carr e outros). Exemplo de que nem sempre o filme mais novo é melhor. Ah, sim, o filme mais novo…

Feliz 2007!

Este ano não vai ser tão movimentado como o ano passado, mas destaco dois eventos esportivos:

os XV Jogos Pan-americanos no Rio em julho, e
a quinta Copa do Mundo de Futebol Feminino, na China em setembro.

Então boa torcida, muita saúde, paz e sucesso para nós todos em 2007.