quinta-feira, junho 30, 2005

O Homem Errado


Hoje resolvi rever "O Homem Errado" (The Wrong Man, Alfred Hitchcock, 1956). É um filme interessante porque é baseado em fatos verídicos. E também porque é a primeira e única vez em que Hitchcock fala em um filme, narrando pessoalmente o prólogo. Um músico conhecido como "Manny" (Henry Fonda) é preso porque algumas testemunhas o confundem com um assaltante. Daí, sua mulher Rose (Vera Miles) fica deprimida a ponto de ser internada. É um drama psicológico que deixa o expectador agoniado, numa atmosfera sombria de injustiça e desespero, magistralmente criada pelo gênio de Hitchcock. Cinematografia de primeira.

Um comentário:

Gisleine disse...

Não vi o filme "O Homem Errado", mas com certeza deve ser interessante. Não raro nos deparamos com o errado que nem sempre é ruim, mas isso é outra coisa. Fica para uma outra ocasião.

Por que não vou torcer para a Croácia

A seleção croata continua enaltecendo o fascismo Outro dia um apresentador do BBB, da Globo, deu a entender que não se deve misturar ...