segunda-feira, junho 21, 2004

Encontros e despedidas


Achei que este título ficaria melhor do que "nascimento e morte", que é o tema desse meu post.
Hoje é aniversário do nascimento de Machado de Assis, carioca nascido em 1839 que se tornou nosso maior escritor. Desce cedo aprendi a gostar do jeito que ele escreveu, das sentenças curtas e a excelente pontuação. Recentemente reli "Dom Casmurro" e "A mão e a luva". Agora vou reler "Memórias Póstumas de Brás Cubas". Digo que vou reler porque li vários dele nos tempos de colégio.
Hoje morreu o presidente nacional do PDT Leonel Brizola, governador do Rio de Janeiro duas vezes e do Rio Grande do Sul (antes do golpe militar), figura polêmica da oposição e quadro ligado a "A Internacional Socialista", que inclui entre muitos partidos o PSOE da Espanha de Zapatero.

Nenhum comentário:

Por que não vou torcer para a Croácia

A seleção croata continua enaltecendo o fascismo Outro dia um apresentador do BBB, da Globo, deu a entender que não se deve misturar ...