Programa de domingo


1) Ir à Feira do Livro pela manhã. Não se assuste, mas a fila de carros já começa no início da Imigrantes. Não vi como estava a entrada pela Miguel Stefano. Pensei que ia demorar para entrar, mas até que a fila andou rápido e havia bastante vaga no estacionamento (R$ 12,00). Depois, não houve espera para ingressar (mais R$ 8,00). Impressões que ficaram: 1) o paulista não vive sem carro. 2) o paulista está lendo pouco - acho que a feira poderia ser bem maior, levando-se em conta que esta é a 18a. e já tem 34 anos.

2) Ver o São Caetano ser campeão paulista, pela TV. É o meu segundo time. Mereceu. Mas não gostei nadinha da surra que deu em meu Santos nas semi-finais. Tudo bem, acontece.

3) Assistir Lisbela e o Prisioneiro, do Guel Arraes, com o Selton Mello, a Débora Falabella e o Marco Nanini. De fato, é a revitalização do cinema brasileiro, após um longo período de trevas.

Comentários